Bruno Haddad/Cruzeiro
Bruno Haddad/Cruzeiro

Após seu agente se reunir com Abidal, cruzeirense Éderson 'despista' sobre Barcelona

Volante de 20 anos está na mira de clubes da Europa e pode ser negociado em breve

Redação, O Estado de S.Paulo

30 de outubro de 2019 | 13h28

Um dia depois de o secretário-geral do Barcelona e ex-jogador do time espanhol, Eric Abidal, se reunir com o seu empresário em Belo Horizonte, onde almoçaram em um restaurante da capital mineira, o volante Éderson, do Cruzeiro, "despistou" nesta quarta-feira ao ser questionado sobre um suposto interesse do clube catalão em contar com o seu futebol.

O agente do atleta, César Godoy, se encontrou com Abidal e depois o dirigente visitou a Toca da Raposa I, um dos CTs da equipe cruzeirense. O representante do Barça está no Brasil para observar jovens talentos e para conhecer a estrutura de categorias de base de clubes brasileiros. A reunião de terça-feira da qual ele participou também contou com a presença do empresário André Cury, responsável por trazer o francês ao Brasil e que é representante do Barcelona no País.

Éderson, porém, assegurou nesta quarta, em entrevista coletiva, que não chegou nenhuma proposta para ele atuar pelo clube espanhol e aproveitou para destacar que o seu foco hoje está exclusivamente no Cruzeiro, que nesta quinta-feira enfrenta o Botafogo, às 21h30, no Engenhão, no Rio, com a missão de conquistar uma vitória para deixar a zona de rebaixamento do Campeonato Brasileiro.

"Até agora, os meus empresários não me falaram nada dessa situação (relacionada ao Barcelona). Então, não tem muito o que falar até eles me passarem alguma coisa. Na verdade, não sei se vão me passar ou se foi alguma coisa deles, porque o André Cury trabalha junto com o César, que é meu outro representante. Então, não sei se foi uma coisa deles, pela parceria que eles têm", despistou Éderson.

Com 20 anos de idade, o atleta admite que ficaria feliz caso o Barcelona demonstre o interesse em contratá-lo, mas destacou: "Não é o momento de pensar em saída. É preciso estar 100% focado no Cruzeiro. Quero ajudar muito o clube que me deu muitas oportunidades. Então, tem que estar 100% aqui e é o que eu estou fazendo e que vou continuar fazendo".

DE VOLTA PARA REENCONTRO 

Éderson estreou com a camisa celeste no dia 5 de setembro do ano passado, justamente em uma partida contra o Botafogo no Rio, e acumula 17 partidas pela equipe profissional do clube. Em bom momento, ele voltará a jogar nesta quinta depois de ter cumprido suspensão na rodada passada do Brasileirão e celebrou o fato de que está conseguindo se firmar no time comandado por Abel Braga.

"Fico feliz de estar sendo um ponto positivo na equipe, já que, até um ano atrás, não vinha tendo oportunidades, só vinha treinando. Assim como outros que jogaram deram o seu máximo, eu quero também dar o meu máximo se for escalado. O nosso time daqui para frente vai ser assim, dando o máximo para conquistar os resultados", projetou. "Botafogo foi meu primeiro jogo no Cruzeiro e agora, mais de um ano depois, consegui sequência, estou com mais confiança, evoluí um pouquinho mais em alguns aspectos, passaram outros técnicos. Muita coisa mudou", reforçou.

Éderson exaltou também o fato de que Abel vem apostando em um time-base e isso vem facilitando no processo de entrosamento entre os jogadores titulares, o que vem ajudando a fortalecer a equipe nesta sua caminhada para tentar se afastar da zona do rebaixamento.

"Estamos em reta final de temporada, com jogos importantes. E o Abel dando sequência ao time a gente tem facilidade para pegar a movimentação um do outro, ajuda a ter 100% do entrosamento, podemos combinar algumas jogadas. Além disso, ele dá oportunidade a quem vem treinando bem", disse o volante.

E o atleta exaltou o peso de o Cruzeiro conquistar uma vitória nesta quinta-feira, o que vai assegurar que a equipe feche a 29ª rodada fora dos grupo dos últimos quatro colocados. Em 17º lugar, com 29 pontos, o clube está um atrás de Ceará e Fluminense, que se enfrentam nesta quarta-feira, às 21h30, na Arena Castelão, em Fortaleza.

"É um jogo importantíssimo fora de casa. O Cruzeiro vai ser o Cruzeiro dos últimos jogos. Não estamos perdendo. O Cruzeiro vai ser isso, vamos dar o nosso máximo, porque o que importa para nós são os três pontos", finalizou.

Para Entender

Programação de tv

Veja as principais atrações esportivas do dia

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.