Após ter nome cantado pela torcida, Milton Cruz destaca força do elenco

O São Paulo venceu o Flamengo por 2 a 1, neste domingo, no Morumbi, com o técnico Milton Cruz poupando vários jogadores visando a partida de quarta-feira, contra o Cruzeiro, pela Libertadores. No final do confronto, o treinador destacou a força do elenco e o fato de os atletas entenderem e aceitarem o fato de terem que ficar no banco de reservas.

DANIEL BATISTA, Estadão Conteúdo

10 de maio de 2015 | 19h50

"Fui campeão brasileiro três vezes. Sei como é difícil disputar uma Libertadores e jogar um jogo do Paulista ou do Brasileiro, pois o desgaste é grande. Por isso, fizemos o revezamento e estamos fazendo isso desde o início do ano. Tenho que parabenizar o grupo, já que todos os jogadores se colocaram à disposição. O grupo está de parabéns e todo mundo se colocando à disposição para jogar. Isso é um grupo e esse grupo tem me dado muita alegria", avisou o treinador.

Durante a partida, a torcida do São Paulo chegou a gritar o nome de Milton, que vem de seis vitórias em sete partidas no comando do time tricolor. "Eles gritam o nome do Telê (Santana) e reconhecem o meu trabalho. São 20 anos de clube, como funcionário, e mais sete de jogador. Tem um ou outro que quer sempre complicar, mas sei que a torcida sempre me apoiou e ficou muito feliz por isso. Outro dia (contra o Cruzeiro), foram 66 mil torcedores gritando o meu nome, porque eles sabem da minha importância para o clube", opinou.

O treinador ainda comentou sobre o fato de ter vencido um duelo contra Vanderlei Luxemburgo, que chegou a ter seu nome cogitado para assumir o comando da equipe. "Luxemburgo é um dos melhores treinadores do Brasil. Aprendi muito com ele e com todos os treinadores que passaram pelo São Paulo neste período que estou aqui. Talvez eu tenha tido um pouco de sorte hoje", disse, sorrindo com sua declaração.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.