Site Oficial / EC Bahia
Site Oficial / EC Bahia

Após título estadual, Bahia estreia na Copa Sul-Americana contra o Blooming

Time boliviano passou por crise financeira recente, mas venceu quatro últimas partidas no campeonato local

Estadão Conteúdo

11 de abril de 2018 | 06h50

Depois de dois anos, o Bahia voltou a levantar a taça do Campeonato Baiano com dois triunfos sobre o rival Vitória, nos jogos da final, e ganhou combustível para a sequência da temporada. Diante deste cenário, o time muda de foco e se prepara para a estreia na Copa Sul-Americana em duelo contra o Blooming marcado para as 21h45 (de Brasília) desta quarta-feira, no estádio Ramón Aguilera, em Santa Cruz de La Sierra, na Bolívia.

+ Clubes brasileiros lutam para reduzir hegemonia argentina na Copa Sul-Americana

+ Técnico do Bahia, Guto Ferreira deixa hospital após ser internado com arritmia

+ Sorteio na CBF define confrontos das quartas de final da Copa do Nordeste

O time baiano não disputa o torneio desde 2015, quando foi eliminado ainda na primeira fase para o Sport, com uma goleada por 4 a 1 no estádio da Ilha do Retiro, no Recife, após ter vencido por 1 a 0 na Arena Fonte Nova, em Salvador. Na temporada em questão, também foi campeão estadual.

A semana do Bahia vai ser de estreia também no Campeonato Brasileiro em duelo contra o Internacional, neste domingo, em Porto Alegre. Serão, portanto, dois jogos longe de casa. Por conta disso, o técnico Guto Ferreira teme pelo desgaste de alguns jogadores, até pelo fato de ter disputado uma decisão no último final de semana.

Guto Ferreira vai mandar a campo uma escalação sem seis titulares. O zagueiro Tiago, o lateral-direito Léo, o meia Vinícius e os volantes Elton e Gregore serão poupados. O zagueiro Lucas Fonseca, por sua vez, foi vetado pelo departamento médico por conta de dores musculares.

A provável escalação titular é: Douglas; Nino Paraíba, Grolli, Rodrigo Becão e Mena; Edson, Nilton e Régis; Zé Rafael, Marco Antônio (Allione) e Edigar Junio.

BLOOMING

Se o Bahia vai a campo inspirado pela conquista do Campeonato Baiano, o Blooming ainda tenta se firmar na temporada. Ele vem passando por uma grande crise financeira, tanto que os jogadores chegaram a articular uma greve para cobrar salários atrasados.

O episódio ocorreu em março, quando o treinador Erwin Sánchez foi contratado. Ele ainda está no início de trabalho, mas já conseguiu uma reação. Depois de um período de apenas três vitórias em 15 jogos, o time se estabilizou e venceu as últimas quatro partidas no torneio Apertura do Campeonato Boliviano. Com isso, ocupa a segunda posição do Grupo B, com 20 pontos.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.