Reprodução/Fortaleza Twitter
Reprodução/Fortaleza Twitter

Após título, Fortaleza quer superar cansaço para se distanciar da zona da degola

Equipe do técnico Rogério Ceni encara o Flamengo, neste sábado, no Engenhão, ainda de 'ressaca' pelo título da Copa do Nordeste

Redação, Estadão Conteúdo

01 de junho de 2019 | 13h49

A conquista inédita da Copa do Nordeste sobre o Botafogo-PB na última quarta-feira já ficou para trás. Neste sábado, o Fortaleza enfrenta o Flamengo, às 16 horas, no Engenhão, no Rio, pela sétima rodada do Campeonato Brasileiro. Mesmo com várias mudanças, o objetivo do técnico Rogério Ceni é pontuar.

O elenco cearense nem teve tempo para comemorar o título da Copa do Nordeste e viajou direto de João Pessoa (PB) para o Rio na quinta-feira. Foram duas vitórias por 1 a 0 em cima do Botafogo-PB, ambas com gols de Wellington Paulista.

Preocupado com o cansaço dos jogadores, Ceni promete fazer mudanças no time. Principalmente por conta da questão física dos jogadores. "Vamos tirar uma boa parte para o jogo. Enfrentar o Flamengo de igual para igual é muito difícil, mas tentaremos ser um oponente digno", comentou o técnico, sem revelar quais jogadores serão poupados.

As novidades entre os titulares devem ser o goleiro Felipe Alves, o lateral-direito Gabriel Dias, o volante Araruna e os atacantes Marcinho e Kieza nos lugares de Marcelo Boeck, Tinga, Juninho, Romarinho e Kieza, respectivamente.

Apesar de estar invicto há dois jogos no Brasileirão, o Fortaleza está na 14.ª colocação, com sete pontos, e precisa de uma vitória no Engenhão para não depender de outros resultados para seguir fora da zona de rebaixamento.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.