Reprodução/Fortaleza Twitter
Reprodução/Fortaleza Twitter

Após título, Fortaleza quer superar cansaço para se distanciar da zona da degola

Equipe do técnico Rogério Ceni encara o Flamengo, neste sábado, no Engenhão, ainda de 'ressaca' pelo título da Copa do Nordeste

Redação, Estadão Conteúdo

01 de junho de 2019 | 13h49

A conquista inédita da Copa do Nordeste sobre o Botafogo-PB na última quarta-feira já ficou para trás. Neste sábado, o Fortaleza enfrenta o Flamengo, às 16 horas, no Engenhão, no Rio, pela sétima rodada do Campeonato Brasileiro. Mesmo com várias mudanças, o objetivo do técnico Rogério Ceni é pontuar.

O elenco cearense nem teve tempo para comemorar o título da Copa do Nordeste e viajou direto de João Pessoa (PB) para o Rio na quinta-feira. Foram duas vitórias por 1 a 0 em cima do Botafogo-PB, ambas com gols de Wellington Paulista.

Preocupado com o cansaço dos jogadores, Ceni promete fazer mudanças no time. Principalmente por conta da questão física dos jogadores. "Vamos tirar uma boa parte para o jogo. Enfrentar o Flamengo de igual para igual é muito difícil, mas tentaremos ser um oponente digno", comentou o técnico, sem revelar quais jogadores serão poupados.

As novidades entre os titulares devem ser o goleiro Felipe Alves, o lateral-direito Gabriel Dias, o volante Araruna e os atacantes Marcinho e Kieza nos lugares de Marcelo Boeck, Tinga, Juninho, Romarinho e Kieza, respectivamente.

Apesar de estar invicto há dois jogos no Brasileirão, o Fortaleza está na 14.ª colocação, com sete pontos, e precisa de uma vitória no Engenhão para não depender de outros resultados para seguir fora da zona de rebaixamento.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.