José Patrício/Estadão
José Patrício/Estadão

Após três meses, Corinthians busca voltar a vencer fora de casa

Nos últimos 12 jogos como visitante, time alvinegro soma seis empates e seis derrotas

Fábio Hecico, O Estado de S. Paulo

30 de outubro de 2013 | 07h33

SÃO PAULO - Tite ainda não deu pistas, mas promete aproveitar a semana de treinos para encontrar uma fórmula capaz de fazer o Corinthians ganhar fora de casa. Domingo, quando o time pisar em campo diante do Vitória, em Salvador, serão três meses sem um triunfo longe de seus domínios, algo decepcionante para uma equipe grande.

Muitos corintianos nem se lembram da última vitória fora de casa. Após aqueles 2 a 0 sobre o Criciúma, no dia 4 de agosto, em Santa Catarina, o discurso era de que a equipe entrava de vez na briga pelo título brasileiro. Tudo mudou, as visitas viraram um martírio e agora a briga é apenas por uma despedida honrosa do campeonato. "Fomos bem contra o Santos e precisamos manter essa postura que acabamos com esse retrospecto", avalia o meia Renato Augusto. "Se repetirmos o desempenho do clássico, teremos boas chances."

Como o presidente Mário Gobbi não admite mais vexames após a esperança de ir à Libertadores praticamente acabar (a meta é somar 61 pontos, ou seja, o time tem de fazer 20 dos 21 restantes), a obrigação de obter bons resultados fora de casa pressiona o treinador e o elenco. "Serão sete finais e temos a chance de salvar o semestre, que foi muito ruim. Precisamos dar explicação à torcida. Se puder classificar (à Libertadores), excelente. Se não puder, ao menos sairemos de férias de cabeça erguida", comenta Renato.

No Brasileiro, o Corinthians só ganhou duas vezes longe de casa. Nos últimos 12 jogos como visitante, foram seis empates e seis derrotas, aproveitamento de 16,6%. Tite começará nesta quarta-feira a montar o time que pretende usar em Salvador. Depois de tanto brigar, ele finalmente terá à disposição três atacantes para escolher e mandar a campo. São eles: Alexandre Pato, Romarinho e Emerson.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolCorinthiansBrasileirão

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.