Lucas Merçon/Fluminense
Lucas Merçon/Fluminense

Após tropeço na Sul-Americana, Fluminense terá time reserva para encarar o Santos

Marcelo Oliveira explica decisão e diz que calendário 'impõe essa condição'

Estadão Conteúdo

25 Outubro 2018 | 12h02

O Fluminense sofreu um doloroso tropeço na última quarta-feira, no jogo de ida das quartas de final da Copa Sul-Americana diante do Nacional, do Uruguai. Depois de liderar a maior parte do confronto no Engenhão, o time carioca levou o gol que selou o empate por 1 a 1 já aos 42 minutos do segundo tempo. Apesar de ainda sentir o resultado, a ordem agora é voltar as atenções para o próximo compromisso.

No próximo sábado, o Fluminense terá a difícil missão de encarar o Santos na Vila Belmiro, pelo Campeonato Brasileiro. E por mais que o duelo possa ser considerado um confronto direto por uma vaga no G6, o técnico Marcelo Oliveira levará a campo uma escalação reserva, pensando justamente na partida de volta contra o Nacional, quarta que vem, em Montevidéu.

"Meu pensamento é escalar um time reserva no fim de semana. Não deveria ser assim, mas o calendário impõe essa condição. Vamos jogar quarta, sábado e depois quarta novamente em uma viagem internacional. Vamos com um time alternativo, temos toda confiança nos jogadores que estão treinando e vamos buscar um grande resultado lá da mesma forma", comentou.

Não bastasse o resultado ruim e a necessidade de revertê-lo no Uruguai, o Fluminense ganhou uma outra preocupação na quarta. O zagueiro Gum deixou o campo lesionado durante o segundo tempo e admitiu sentir "uma pontada" no joelho e no tornozelo. Ele será submetido a exames para saber a gravidade do problema.

"O Gum teve uma torção leve no tornozelo e uma pancada no joelho. Fiquei mais preocupado na hora que saiu, mas agora, conversando, a gente ainda não tem a decisão do departamento médico. Dá a impressão de que vai se recuperar para quarta-feira. Vai fazer os exames, mas não parece ter sido nada grave", afirmou Marcelo.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.