Glyn Kirk/AFP
Glyn Kirk/AFP

Após Uefa, Premier League também investiga City por possíveis violações a regras

Responsável pela organização do Campeonato Inglês confirmou a abertura do inquérito contra o líder da competição

Redação, Estadão Conteúdo

08 de março de 2019 | 16h36

Um dia depois da Uefa, nesta sexta-feira foi a vez da Premier League anunciar que abriu investigação contra o Manchester City por possíveis violações a regras da liga. A responsável pela organização do Campeonato Inglês confirmou a abertura do inquérito contra o líder da competição.

Se a Uefa investiga o City por violar as regras do seu Fair Play Financeiro, a Premier League apura delitos relacionados também a questões financeiras, a propriedade de terceiros e a aliciamento de jovens.

"Contatamos o Manchester City para pedir informações relacionadas às alegações e estamos em diálogo com o clube. Detalhamos as regras financeiras, sobre as categorias de base e a possibilidade de propriedade de terceiros. Estamos investigando estas áreas e vamos permitir que o Manchester City tenha a oportunidade de explicar o contexto e os detalhes destes casos", explicou a liga.

Como no caso da Uefa, a abertura da investigação da Premier League foi resultado de documentos internos sobre as finanças do Manchester City que foram divulgados na série de publicações da Football Leaks realizada na revista alemã Der Spiegel.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.