Mailson Santana| Divulgação
Mailson Santana| Divulgação

Após vitória, Levir diz que Fluminense ainda tem muito a evoluir

Equipe garante a sequência de sete jogos sem derrota

O Estado de S. Paulo

28 de março de 2016 | 09h29

O Fluminense ampliou a sua invencibilidade para sete jogos, sendo cinco deles sob o comando de Levir Culpi, mas os bons resultados estão longe de iludir o treinador. Após o time superar o Boavista por 3 a 0 no Estádio de Los Larios, pela terceira rodada da Taça Guanabara, o técnico avaliou que o Fluminense ainda precisa evoluir, mesmo destacando que os bons resultados melhoram o clima no clube.

"O bom resultado é que deixa o ambiente legal, mais leve. Para ter convicção das coisas, precisamos ter mais firmeza. Um pouco de cada coisa. Nos últimos jogos, no segundo tempo tivemos uma queda de produtividade. São coisas que vamos vendo os números e analisando. Acho que ainda podemos melhorar em todos os aspectos", afirmou.

Mesmo com o tom crítico, Levir elogiou o rendimento da defesa, que não foi vazada no segundo jogo seguido no Campeonato Carioca. "Não chegou ainda ao ponto ideal. Mas a defesa não está se abrindo, não está dando oportunidades. Ainda podemos melhorar", disse.

O treinador também exaltou o meia Cícero, que marcou, no último domingo, o 150º gol da sua carreira no, coincidentemente, seu 150º jogo pelo Fluminense. "É um número marcante, merece ser festejado. Não é para qualquer um. O Cícero um jogador importante e merece ser elogiado", comentou.

Com cinco pontos, o Fluminense é o terceiro colocado na Taça Guanabara, a segunda fase do Campeonato Carioca. O time volta a jogar na próxima quarta-feira, diante do Bangu, no Estádio de Edson Passos, em Mesquita.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.