Após vitória, Corinthians desembarca cheio de otimismo

Após conseguir uma heróica vitória sobre a Universidad Católica por 3 a 2, em Santiago, a delegação do Corinthians desembarcou nesta sexta-feira repleta de confiança para conseguir a classificação às oitavas-de-final da Copa Libertadores da América. O técnico Ademar Braga, que assumiu o time após a demissão de Antônio Lopes, era o mais empolgado. "Daqui para frente, tudo será diferente. Essa vitória serviu para impulsionar e dar confiança ao time", disse. "Agora o Corinthians começa uma nova história. Acabou esse papo de que não sabemos jogar fora do País", completou. Braga aproveitou para comentar sobre o suposto desentendimento com o meia Roger, que ficou no banco de reservas na partida diante dos chilenos. O meio campo foi formado por Mascherano, Marcelo Mattos, Ricardinho e Carlos Alberto. "Todos foram heróis. Temos cerca de 18 jogadores de nível de seleção e nem todos podem jogar, infelizmente."Assim como o treinador, o iraniano Kia Joorabchian, presidente da MSI, também estava só sorrisos no desembarque no Aeroporto Internacional de Cumbica, em Guarulhos. "O time é muito bom, superamos todas as dificuldades", comentou o empresário, esquecendo que o clube estava em uma situação desconfortável antes do jogo contra a Universidad Católica - o time precisava de um bom resultado para seguir com chances de classificação no Grupo 4 na Libertadores.Na última rodada do torneio sul-americano, o Corinthians enfrentará o Deportivo Cali, no dia 19 deste mês, no estádio do Pacaembu. Um triunfo diante dos colombianos pode garantir a primeira colocação na chave. Para isso, a Universidad precisa empatar ou perder para o Tigres, fora de casa.Após a partida no Chile, os jogadores do Corinthians ganharam folga até a manhã de segunda-feira. Apenas os atletas que ficaram no banco e que não entraram em campo poderão ser relacionados para o jogo contra o Paulista, no Pacaembu, pela última rodada do Campeonato Paulista.RodrigoO zagueiro Rodrigo, contratado junto ao Dínamo de Kiev, da Ucrânia, será apresentado no meio da próxima semana, segundo informou nesta sexta-feira Kia Joorabchian.De volta ao Brasil desde o último sábado, o ex-defensor do São Paulo já passou por exames médicos. Caso o Corinthians avance na Libertadores, ele será inscrito automaticamente na próxima fase da competição. Rodrigo também deverá enfrentar o Grêmio, no dia 15 de abril, na abertura do Campeonato Brasileiro.

Agencia Estado,

07 de abril de 2006 | 19h52

Tudo o que sabemos sobre:
libertadores

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.