Daniel Augusto Jr.|Ag. Corinthians
Daniel Augusto Jr.|Ag. Corinthians

Após vitória do Corinthians, Tite reclama de jogo às 11h

Técnico afirma que horário é 'desumano' para os atletas

Estadão Conteúdo

29 de maio de 2016 | 16h42

Após um primeiro tempo morno, com certa superioridade do Sport, o Corinthians melhorou na segunda etapa e saiu com a vitória por 2 a 0 no estádio da Ilha do Retiro, no Recife. Mesmo assim, o técnico alvinegro Tite não poupou críticas à realização das partidas às 11 horas.

"Para o torcedor que está em casa, fazendo churrasco, (o horário) é muito legal. Para quem trabalha, para o atleta, é desumano. Repito: é desumano. Não adianta meter o pau em mim porque eu sei o que estou falando", comentou o treinador, em entrevista coletiva após a partida.

O Corinthians encarou o segundo jogo seguido no mesmo horário, com duas vitórias - o time alvinegro bateu a Ponte Preta na última quinta-feira, no estádio Itaquerão, em São Paulo. Na Ilha do Retiro, os donos da casa comandaram as ações ofensivas, mas os comandados de Tite foram mais efetivos. "Não dá para ter um ritmo forte contra o Sport fora de casa, é normal que eles pressionassem no início", disse o técnico.

"Tenho mantido o padrão. A equipe jogou dois jogos mal no ano, contra Palmeiras e Santos. Mas manteve o padrão. Você faz alguns ajustes e no fim ela permanece estável", acrescentou Tite.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.