Após vitória, Ramires pede Chelsea com 'pés no chão'

A boa vitória fora de casa sobre o Basel, por 2 a 1, nesta quinta-feira, na Suíça, deixou o Chelsea perto da vaga na final da Liga Europa. Agora, pode até perder por 1 a 0 no jogo de volta, na próxima quinta, em Londres, para confirmar a sua classificação. Mas o volante brasileiro Ramires, um dos titulares do time inglês, avisa que ainda é preciso manter os "pés no chão".

AE, Agência Estado

25 de abril de 2013 | 19h41

"Esse resultado nos dá a possibilidade de pensar mais concretamente em uma decisão, mas ainda não é a hora disso. Temos que continuar com os pés no chão", disse Ramires, após a vitória na Basileia. "Nosso próprio histórico mostra que não se deve subestimar ninguém. A maior conquista da história do Chelsea aconteceu quando não éramos favoritos (na última edição da Liga dos Campeões). Estamos preparados para não cair em qualquer tipo de armadilha que essa vantagem possa trazer."

Segundo Ramires, o Chelsea foi surpreendido na partida desta quinta-feira, mas teve forças para buscar a vitória diante do Basel pela semifinal da Liga Europa. "Estávamos vencendo o jogo por 1 a 0, com tudo sob controle, mas acabamos sofrendo o empate e aí tivemos que ir para cima. Bateu uma ansiedade natural na equipe e acabamos perdemos várias oportunidades claras de marcar", contou.

O gol da vitória acabou saindo já nos acréscimos, marcado por outro jogador brasileiro do Chelsea. "Já estava certo que não daria mais para vencer, quando sofri a falta no final do jogo. Graças a Deus o David Luiz foi feliz e marcou esse gol, que nos dá uma valiosa vantagem no jogo de volta", afirmou Ramires.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolChelseaRamires

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.