Após vitória, Silas reclama do gramado em Votorantim

O técnico Silas atribuiu a vitória apertada do Grêmio sobre o frágil Votoraty ao estado do gramado do Estádio Domênico Paolo Metidieri, na cidade de Votorantim, interior de São Paulo. Com o resultado, o time gaúcho perdeu a chance de eliminar o jogo de volta e antecipar a classificação para as oitavas de final da Copa do Brasil.

AE, Agencia Estado

17 de março de 2010 | 19h14

"Qualquer análise que seja feita hoje passa pelo gramado porque o Douglas, por exemplo, é todo técnico. Ele fez o que pôde, conseguiu até fazer boas jogadas. Mas um gramado desse não tem condições. Além do gramado ruim, o piso é muito duro. A preocupação era mais de não perder jogador com entorse", afirmou o treinador.

Na tentativa de tranquilizar a torcida gremista, Silas destacou que o time contará com reforços no jogo de volta, em Porto Alegre, no dia 1.º de abril. "O jogo ficou todo pra gente lá no Olímpico", disse o técnico, que pdoerá contar com o retorno de Borges e Hugo.

"Ainda temos cinco ou seis jogadores que devem retornar. Borges já vai estar à disposição pro jogo de volta no dia 1°. Leandro já vai estar próximo também, Hugo deve voltar antes, Rochemback já está treinando. Vamos chegar no momento principal da competição, com todos jogadores à disposição", ressaltou.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolCopa do BrasilGrêmioSilas

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.