Goergios Kefalas / EFE
Goergios Kefalas / EFE

Aposentado das pistas, Bolt vai treinar com o Borussia Dortmund nesta sexta-feira

Na terça-feira, astro do atletismo jogou ao lado de Maradona, Roberto Carlos e Mourinho em partida de exibição

Estadão Conteúdo

22 de março de 2018 | 11h42

Multicampeão olímpico e mundial e detentor dos recordes das provas dos 100m e 200m, o recém-aposentado Usain Bolt parece que segue levando a sério o seu sonho de se tornar jogador profissional de futebol. Em meio a este processo, o astro jamaicano de 31 anos teve a sua presença oficialmente confirmada pelo Borussia Dortmund no treino que o elenco do time alemão realizará nesta sexta-feira.

+ Batshuayi decide e Borussia Dortmund derrota o Hannover no Campeonato Alemão

+ 'Bolt brasileiro', Alexsandro de Melo treina para ser o raio dos saltos

Após deixar as pistas de atletismo logo depois de disputar o Mundial da modalidade no ano passado, em Londres, o velocista segue empenhado a continuar com a sua vida de esportista e participará de uma atividade cujo acesso será aberto ao público nesta sexta na Alemanha.

O Borussia Dortmund tem os seus uniformes produzidos pela Puma, marca que há muitos anos patrocina Bolt. Em janeiro passado, ele já havia manifestado o desejo de treinar com o time alemão e nesta quinta usou a sua página no Twitter para promover a sua participação no treinamento da equipe. "BVB, esteja pronto para sexta-feira", escreveu, usando as siglas do nome do clube em sua postagem na rede social.

Em seguida, em uma nova publicação no Twitter, exibida na página do jamaicano e também na do Borussia, a Puma colocou uma foto na qual, por meio de uma montagem, o astro veste o uniforme do clube alemão dentro do gramado e com as arquibancadas cheias ao fundo, como se ele estivesse participando de uma partida da equipe. E a marca ilustrou a imagem com a seguinte frase: "Eles disseram que isso não aconteceria", em uma espécie de recado para quem não acreditou que seria possível a entrada no ex-velocista no futebol profissional.

BOLT E OUTROS ASTROS

Bolt, que é dono de oito medalhas de ouro olímpicas e outras 11 em Mundiais, participou na última quarta-feira de uma partida beneficente de futebol, promovida pela marca de relógios Hublot em um pequeno gramado sintético na Basileia, na Suíça. Na ocasião, ele dividiu as atenções com nomes como o do ex-jogador Diego Maradona, do ex-lateral brasileiro Roberto Carlos e do técnico do Manchester United, José Mourinho.

O jamaicano, por sinal, é torcedor assumido do Manchester United e disse em tom de brincadeira, após o evento na Suíça, esperar que a sua aparição no treino do Borussia leve o clube inglês a contratá-lo para atuar pela equipe profissionalmente.

A presença de Bolt em um treino do time alemão já era esperada que acontecesse, pois em janeiro ele anunciou que participaria de uma atividade deste tipo na equipe justamente em março. Naquela ocasião, ele revelou: "Um dos meus maiores sonhos é assinar com o Manchester United. Se o Dortmund dizer que não sou suficientemente bom, vou treinar muito duro. Já conversei com Alex Ferguson (treinador que fez história em 27 anos no comando do United) e disse a ele que ele precisa me dar uma ajudinha. Ele me disse que, se eu estiver em forma e pronto, vai ver o que pode fazer".

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.