Apresentado, Marcos Vinicius elogia concorrência no meio de campo do Botafogo

Meia foi envolvido na troca com o Cruzeiro pelo atacante Sassá, e treina na equipe há três semanas

Estadão Conteúdo

22 de junho de 2017 | 20h58

O Botafogo apresentou nesta quinta-feira o meia Marcos Vinícius, envolvido na troca que levou o atacante Sassá ao Cruzeiro. Treinando na equipe há três semanas, o jogador se mostrou empolgado com a oportunidade. "Um dos motivos para eu vir pra cá foi porque o Jair (Ventura, técnico) me ligou. Fiquei muito feliz. Vou trabalhar como sempre trabalhei, com humildade na minha. Quando a oportunidade surgir vou agarrar, seja por dentro ou pelo lado. O importante é ajudar o Botafogo", disse.

Para a posição de Marcos Vinícius, o Botafogo já conta com Camilo e o argentino Montillo. Ciente da forte concorrência, o apoiador não descartou atuar mais adiantado, onde a equipe não possui com muitas opções.

"Eu já joguei como atacante, fazendo a beirada. Mas não tenho preferência, se tiver que jogar no meio não tem problema. Quero ajudar. É um time encaixado, está certinho. Bom de jogar. Vem dando certo, não pode mudar. É uma equipe com humildade para marcar e maturidade para atacar. Quando o Jair precisar vou estar preparado", ressaltou.

Por conta do período de dias sem entrar em campo, o atleta tem passado por uma rotina diferente de treinamentos. Com isso, ele planeja entrar em campo na 11.ª rodada contra o Corinthians. "Fizeram uma programação especial pra mim, para melhorar minha parte física. Vou estar apto no dia 2. Só vou pegar ritmo jogando mesmo. Quero estar 100%", concluiu.

Tudo o que sabemos sobre:
BotafogoCruzeiro

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.