Daniel Augusto Jr. / Ag. Corinthians
Daniel Augusto Jr. / Ag. Corinthians

Apresentado no Corinthians, Matheus Jesus rechaça comparação com Paulinho

Volante disputou o Paulistão pelo Oeste e chamou a atenção do técnico Fábio Carille

João Prata, O Estado de S.Paulo

16 de maio de 2019 | 17h49

O volante Matheus Jesus foi apresentado oficialmente no Corinthians nesta quinta-feira. Apesar de ter apenas 22 anos, o jogador defenderá o sétimo clube diferente. O nome do atleta já apareceu no BID da CBF e ele já poderá estrear no domingo, contra o Athletico-PR pela quinta rodada do Campeonato Brasileiro.

"Pude evoluir bastante, estou pronto para chegar e ficar, conquistar títulos. Evolui a cabeça e estou muito feliz. Chegar ao topo cedo, acho que me atrapalhou um pouco. Por isso, rodei bastante antes de chegar aqui. Estou muito feliz", comentou.

Na primeira entrevista, Matheus Jesus se mostrou bastante nervoso e evitou se alongar nas respostas. Ele chega ao Corinthians após ter sido revelado pela Ponte Preta em 2016 e no ano seguinte ter sido vendido ao Estoril, de Portugal, clube que detém seus direitos econômicos.

Sem conseguir se firmar na Europa, foi emprestado ao Santos em 2017/2018. Ainda em 2018 defendeu outros dois clubes: o Gamba Osaka, do Japão, e Portimonense de Portugal. Na atual temporada jogou pelo Oeste, quando marcou seis gols no Campeonato Paulista e chamou a atenção do técnico Fábio Carille.

"Tive tranquilidade e tempo para trabalhar no Oeste, tenho que agradecer muito a eles. O treinador Renan passou confiança e eu pude mostrar meu futebol. Quero entrar em campo logo para mostrar meu futebol. Estou muito feliz", comentou.

Carille chegou a compará-lo ao volante Paulinho. "Acho que não pareço tanto com ele. O Carille falou mais pelos gols. Porque eu sou canhoto e é um pouco diferente. Mas estou feliz e fico agradecido pelo elogio. Vou procurar meu espaço no clube e conquistar títulos. É o que todos querem ao chegar em um time como o Corinthians", complementou.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.