Divulgação
Divulgação

Apresentado no Internacional, Martín Luque quer seguir passos de ídolos

Meia-atacante espera repetir sucesso de Guiñazu e D'Alessandro

Agência Estado

28 de maio de 2014 | 18h45

PORTO ALEGRE - O Internacional tem tido sucesso na contração de jogadores argentinos nos últimos anos. Tanto é que dois dos maiores ídolos recentes do clube vieram de lá: Guiñazu e, principalmente, D'Alessandro, hoje o maior xodó da torcida e jogador mais identificado com a equipe de Porto Alegre dentro do elenco. Nesta quarta-feira, o atacante Martín Luque chegou querendo seguir pelo mesmo caminho.

"Ele (D'Alessandro) disse que é um clube com grande estrutura, organizado e que seria muito bom eu estar aqui. Via jogos do Inter pela Libertadores, e na Argentina é um time tratado com respeito. Tomara que eu possa seguir os passos do D?Alessandro e do Guiñazu", comentou o garoto de 21 anos, que veio do Colón, é canhoto, e tem a velocidade como principal característica.

Na Argentina, Luque já foi chamado de "novo Caniggia", rótulo que o atacante não rejeitou: "Foi um grande jogador e eu espero que isso se confirme", afirmou o jogador, na sua chegada ao CT do Parque Gigante. Ali, recebeu a camisa 18, a mesma que utilizou no Mundial Sub-20 de 2011.

Desde que foi promovido aos profissionais do Colón, porém, Luque só fez três gols. Mesmo assim, foi recebido com festa pelos torcedores do Inter quando chegou em Porto Alegre, na terça. "Só tenho a agradecer pela maneira como fui recebido. Foi muito lindo, eu não esperava. Agora quero retribuir dentro de campo com muito empenho", apontou.

Por conta da janela de transferências internacionais para o futebol brasileiro, Luque só poderá jogar pelo Inter depois da Copa. Além de Luque, o elenco colorado conta com mais dois estrangeiros: o chileno Aránguiz e o meia D''Alessandro.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolInterBrasileirão

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.