Vitor Silva/SSPress/Botafogo
Vitor Silva/SSPress/Botafogo

Apresentado pelo Botafogo, Cavalieri elogia Gatito e lamenta ano difícil

Ex-goleiro do Fluminense vai disputar o posto de titular com o paraguaio

Redação, Estadão Conteúdo

04 Janeiro 2019 | 21h56

O Botafogo aproveitou o primeiro dia da pré-temporada para apresentar Diego Cavalieri. Primeiro reforço oficializado pelo clube para 2018, o goleiro concedeu entrevista coletiva ao lado do presidente Nelson Mufarrej e do vice-presidente de Futebol Gustavo Noronha, exibindo motivação na chegada ao time. Concorrente direto de Gatito Fernández pela titularidade, o recém-contratado fez elogios ao paraguaio.

"É uma oportunidade nova para mim. Fiquei muito feliz quando surgiu o convite. Todos estão no elenco para disputar posição. O importante é ter lealdade e um bom ambiente. Nunca tive problema em relação a não jogar. Claro que todos querem, mas o importante é poder ajudar. Gatito tem enorme qualidade. Quero ajudar o Botafogo a crescer e evoluir", disse.

Goleiro do Fluminense por sete anos, Diego Cavalieri foi dispensado pelo time carioca antes da última temporada e viveu um ano de 2018 difícil. O goleiro chegou a se transferir para o Crystal Palace, da Inglaterra, mas nem atuou. Mas garantiu que viveu uma temporada de aprendizados.

"Foi um período complicado, de muito aprendizado e reflexão pelo que o aconteceu, da forma que aconteceu. A chance na Inglaterra surgiu por uma emergência. Houve uma lesão e precisavam de alguém sem contrato. Mas foram apenas quatro meses. Depois da Copa não apareceu nada e fiquei esse tempo todo parado. Foi difícil, algo novo para mim, mas nunca desanimei", afirmou.

Até por essa inatividade, Cavalieri reconheceu que deverá ter dificuldades em seus primeiros passos pelo Botafogo. Mas assegurou que logo terá condições de jogar em alto nível, ficando à disposição do técnico Zé Ricardo. "Vai ser um pouco mais difícil, mas pego rápido dentro de campo com muito empenho. Estou preparado", concluiu o goleiro de 36 anos.

 

 

Mais conteúdo sobre:
BotafogoDiego Cavalieri

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.