Sergio Castro
Sergio Castro

'Tenho mais chances de jogar', diz Dracena na chegada ao Palmeiras

Zagueiro não vê problemas no fato de ter jogado no rival Corinthians

O Estado de S.Paulo

06 de janeiro de 2016 | 15h40

O zagueiro Edu Dracena foi apresentado oficialmente como zagueiro do Palmeiras na tarde desta terça-feira no CT da Barra Funda. O zagueiro de 34 anos foi direto ao explicar as razões que o fizeram trocar o Corinthians pelo rival: o zagueiro pretende ser titular. "Sempre procurei resolver a situação olho no olho. Eu queria jogar. Não queria passar mais um ano na reserva. Aqui vejo que tenho mais chances de jogar", disse o defensor em entrevista coletiva.

O jogador deixou o Corinthians após o final da temporada depois de atuar como reserva da dupla formada por Felipe e Gil. No Palmeiras, o zagueiro chega com status de titular e recebeu a camisa 3 que era de Victor Ramos. Os outros concorrentes são às vagas são Victor Hugo, Roger Carvalho e Leandro Almeida, além dos jovens Nathan e Tiago Martins.

Dracena afirma que não se sente incomodado pelo fato de ter jogado no Corinthians na última temporada. "Não atrapalha ter jogado no Corinthians. Sou profissional. Sempre falo que 50% do sucesso está ligado ao bom ambiente. É preciso ter técnica, tática e qualidade, mas o ambiente ajuda muito. Temos tudo para ter um ano maravilhoso".

Depois de passar por inúmeros clubes, o zagueiro citou a trajetória de Zé Roberto. “Ainda tenho lenha para queimar. Para quebrar esse paradigma que há no Brasil, de que jogador acima de 30 anos é velho. Aqui temos um grande exemplo: Zé Roberto. Sigo esse exemplo. Tenho 34 anos com cabeça e físico de 21", afirmou o defensor.

Tudo o que sabemos sobre:
FutebolPalmeirasEdu Dracena

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.