Arbitral definiu "Paulistinha" de 2002

O Campeonato Paulista de 2002, o primeiro na história sem a presença dos grandes clubes do Estado - São Paulo, Palmeiras, Corinthians e Santos - está definido. O novo formato do "Paulistinha" foi confirmado em reunião do Conselho Arbitral, realizada nesta terça-feira à tarde, na sede da Federação Paulista de Futebol. Os clubes da primeira divisão foram divididos nas Séries A-1, com 12 participantes, A-2 e A-3 com 16 clubes cada. O São Caetano, que reivindica uma vaga no torneio Rio-São Paulo, está incluído na Série A-1. Mas o próprio presidente da FPF, Eduardo José Farah, confirmou que caso um clube paulista seja rebaixado para a Série B do Brasileiro, o São Caetano pode ficar com sua tão sonhada vaga no Rio-São Paulo. O mais ameaçado é o Botafogo, de Ribeirão Preto, lanterna do Brasileirão com apenas 15 pontos. A Série A-1 ainda depende de vários acertos, entre eles os valores que os clubes receberão pelo direito de televisão. Há também a proposta de que não haja rebaixamento nos próximos dois anos, quando apenas subiriam os dois primeiros colocados de cada grupo. Esta questão também ficou aberta. Outras propostas, que estavam sendo tentadas pelos clubes do interior, nem chegaram a ser discutidas. Nos bastidores, houve uma pressão psicológica com a divulgação de que a realização do Rio-São Paulo estaria ameaçada e, portanto, o Paulistão poderia ter de volta os grandes clubes. Além deles, estariam de volta os clubes considerados médios como Portuguesa de Desportos, Ponte Preta, Guarani, Etti Jundiaí e Botafogo. As Séries A-2 e A-3 já estão confirmadas, inclusive, com forma de disputa. Na Série A-2, os 16 clubes vão disputar um turno único, passando à semifinais os quatro primeiros colocados. A alegação quanto a diminuição do número de jogos é pela redução das cotas de televisão, cujos valores não foram divulgados. Na Série A-3, os participantes vão jogar entre si em turno e returno, em uma primeira fase. Os quatro melhores colocados na tabela, após 30 jogos, se classificam para um quadrangular final, onde novamente jogam entre si. Os dois primeiros colocados desta segunda fase garantem o acesso. Os dois piores times serão rebaixados. Os dois melhores garantirão o acesso. Confira os clubes de cada divisão: Série A-1 - São Caetano, Rio Branco, União São João, Portuguesa Santista, Internacional de Limeira, Matonense, União Barbarense, Mogi Mirim, Santo André, Juventus, Ituano e América. Série A-2 - Olímpia, Araçatuba, Rio Preto, Mirassol, Francana, Nacional, Bragantino, Paraguaçuense, Sãocarlense, Comercial, São José, São Bento, Flamengo de Guarulhos, Atlético Sorocaba, Bandeirante e Marília. Série A-3 - XV de Piracicaba, Taubaté, Independente, União Mogi, XV de Jaú, Oeste, Jaboticabal, Noroeste, Garça, Taquaritinga, Internacional de Bebedouro, Osasco, Sertãozinho, Palmeiras B, Ferroviária e Barretos.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.