Árbitro alemão confessa manipulação

O árbitro alemão Robert Hoyzer confessou nesta quinta-feira ter manipulado o resultado de algumas partidas que apitou. ?As acusações feitas publicamente contra mim são verdadeiras?, diz o comunicado divulgado por ele através de seus advogados, confirmando o maior escândalo do futebol da Alemanha nos últimos 30 anos.Hoyzer começou a ser investigado depois da acusação de uma casa de apostas alemã de que o árbitro teria apostado muito dinheiro em favor do Paderborn no duelo contra o Hamburgo, pela Copa da Alemanha, em 21 de agosto de 2004. Ele apitou o jogo em questão e deu dois pênaltis para a equipe da segunda divisão, que acabou vencendo por 4 a 2.Novas denúncias foram feitas contra Hoyzer na semana passada, o que desencadeou a investigação de, pelo menos, mais 4 jogos apitados por ele. Em princípio, o acusado negou a manipulação dos resultados. Mas o comunicado divulgado nesta quinta-feira revela que a história é verdadeira. ?Me arrependo profundamente pelo meu comportamento e peço desculpas à Federação Alemã de Futebol, aos meus colegas árbitros e a todos os fãs do futebol?, diz a nota.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.