Árbitro alemão confessa na Justiça

O árbitro Robert Hoyzer voltou a depor nesta quarta-feira na Justiça de Berlim e confirmou tudo o que tinha confessado antes: que ele participou da manipulação de resultados de 4 jogos, pela segunda e terceira divisões do futebol alemão, além do estopim do escândalo, a partida Paderborn 4 x 2 Hamburgo, pela Copa da Alemanha.Hoyzer, que na terça-feira tinha contado todos os detalhes num programa de televisão em rede nacional, forneceu aos promotores nesta quarta as informações sobre o esquema. A Federação Alemã de Futebol (DFB) decidirá nesta quinta sobre a reivindicação do Hamburgo, que exige a classificação sem a disputa de outro jogo com o Paderborn, já que a partida foi manipulada.

Agencia Estado,

09 de fevereiro de 2005 | 18h56

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.