Sunday Alamba/AP
Sunday Alamba/AP

Árbitro nigeriano é banido do futebol pela Fifa por ter aceitado suborno

Ibrahim Chaibou foi pago por máfia que tentava se beneficiar em sites de apostas durante a Copa do Mundo da África do Sul, em 2010

Redação, Estadão Conteúdo

24 de janeiro de 2019 | 15h37

O árbitro nigeriano Ibrahim Chaibou foi banido do futebol pela Fifa por ter aceitado suborno. Ele foi julgado pelo Comitê de Ética da entidade que ainda o multou em 200 mil francos suíços (R$ 754 mil).

Chaibou foi inabilitado por toda a vida para qualquer atividade relacionada ao futebol (administrativa, esportiva e outras) tanto em âmbito nacional como internacional", informou a Fifa em comunicado. "A punição tem validade imediata", prosseguiu.

O nigeriano foi um dos árbitros que participou dos subornos em partidas amistosas antes da Copa do Mundo da África do Sul de 2010. Ele era pago por uma máfia que tentava se beneficiar em sites de apostas.

Uma das partidas destacadas foi a vitória da África do Sul por 5 a 0 sobre a Guatemala em que houve diversos lances polêmicos a favor da seleção vitoriosa. Entre eles, dois pênaltis em que sinalizou que houve mão na bola - em ambos os lances não houve infração.

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.