Árbitro relata na súmula ofensas e ameaças de Luis Fabiano

Atacante do São Paulo xingou e chegou a dizer que ir agredir o juiz Elmo Cunha durante a partida contra o Atlético-MG

Fernando Faro, estadão.com.br

18 de junho de 2012 | 14h52

SÃO PAULO - O atacante Luis Fabiano, do São Paulo, pode pagar caro pela expulsão do jogo contra o Atlético-MG, neste domingo, no Morumbi, por reclamação. Na súmula da partida, o árbitro Elmo Alves Resende Cunha relatou uma série de ofensas do capitão tricolor depois de receber um cartão amarelo por falta.

"Aos 40 minutos do segundo tempo, expulsei de campo o jogador Luis Fabiano por (ter) reclamado comigo dizendo as seguintes palavras: ''Porra, marca só uma, seu m... (Você) está inventando desde o início, é muito fraco". Após o jogador receber o cartão amarelo, o mesmo continuou: "Seu filho da p..., você é um v..., dá vontade de meter um soco na sua cara, vagabundo. (Vou) te encher de porrada''", relatou Elmo.

Na súmula, o árbitro ainda relata a atitude de Luis Fabiano, que havia marcado o gol que dava a vitória por 1 a 0 para o São Paulo no Morumbi. "Estas palavras foram ditas num tom de voz bastante elevado, gritando, sendo que os jogadores da equipe do São Paulo foram conter e retirar o jogador expulso."

Luis Fabiano já havia recebido três cartões amarelos nos três primeiros jogos do Brasileirão. Ficou suspenso da partida contra o Santos e voltou diante do Atlético-MG. Agora, irá desfalcar a equipe também diante da Portuguesa, no próximo sábado, no Canindé.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.