Arce espera chamado para voltar ao Palmeiras

O lateral Arce, de 32 anos, ainda espera um convite para voltar ao Palmeiras. Segundo Gilmar Veloz, seu representante, duas equipes que disputam o Brasileiro apresentaram propostas oficiais pelo jogador paraguaio. "Só podemos anunciar algo depois do campeonato (que termina no domingo)", disse o empresário gaúcho.O Palmeiras não fez sequer uma sondagem. Segundo Gilmar Veloz, apenas o presidente Mustafá Contursi manifestou interesse de contar com o futebol do lateral paraguaio novamente. Arce esteve no Palmeiras de 1998 a 2002. "Todos sabem que o Arce não queria sair. Só saiu porque a Parmalat, que era dona do passe e pagava parte dos salários, forçou a rescisão de contrato. O Arce queria continuar no Palmeiras", disse o empresário.Neste ano, o lateral defendeu o Gamba Osaka, do Japão, mas a equipe não fez um bom campeonato. Ele jogou, segundo o empresário, cerca de 85% dos jogos - sofreu uma lesão muscular que o tirou de algumas partidas. Neste fim de ano, rescindiu contrato com o clube japonês, antecipando sua volta.O jogador deve chegar nesta quinta-feira ao Brasil, apenas para fazer uma escala para Assunção, no Paraguai, onde descansará com a família. "Quando chegar o momento, vamos decidir o melhor para ele", afirmou Gilmar Veloz.O Palmeiras ainda não fechou a renovação de nenhum jogador do elenco campeão da Série B. O lateral-direito Baiano recebeu uma contra-proposta do clube e ainda não se posicionou - foi marcada uma nova reunião para quinta-feira.Já o lateral-esquerdo Lúcio viaja nesta quinta-feira para Recife, onde passa o Natal com a família. Ainda não teve informação de seu empresário Oliveira Júnior, em férias. Élson está na mesma situação: depende de Oliveira Júnior aparecer e negociar com o Palmeiras.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.