Arévalo Ríos é confirmado como desfalque do Uruguai contra a Colômbia

O volante Arévalo Ríos foi confirmado neste domingo como nova baixa do Uruguai para o confronto desta terça, contra a Colômbia, no Centenário, em Montevidéu, pela segunda rodada das Eliminatórias Sul-Americanas para a Copa do Mundo de 2018.

Estadão Conteúdo

11 de outubro de 2015 | 22h09

Segundo comunicado divulgado pela Associação Uruguai de Futebol (AUF), o jogador do Tigres, do México, foi submetido a uma exame que detectou que ele ainda tem em seu corpo vestígios de um corticoide, usado em 12 de setembro para tratamento de dores na coluna. E sua escalação poderia provocar alguma sanção pelo corticoide figurar na lista de substâncias proibidas para efeito de exame antidoping.

O departamento médico uruguaio informou que a substância em questão ainda foi detectada "em níveis que o inabilitam para sua participação" no confronto diante dos colombianos. Por causa deste problema, por sinal, o volante já não pôde enfrentar a Bolívia, na última quinta-feira, em La Paz, onde a seleção do seu país venceu por 2 a 0 na estreia das Eliminatórias.

Além de Arévalo, o Uruguai já não contará com os atacantes Luis Suárez, do Barcelona, e Edinson Cavani, do Paris Saint Germain, que cumprem suspensões, e o meio-campista Cristian "Cebolla" Rodríguez, que sofreu uma lesão muscular contra a Bolívia.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.