Argentina arrasa Sérvia e aplica maior goleada da Copa

A Argentina deu um show de bola no gramado da AufSchalke Arena, em Gelsenkirchen, e aplicou em Sérvia e Montenegro a maior goleada da Copa: 6 a 0. Foi um verdadeiro baile da equipe treinada por José Pekerman, que promoveu a estréia de Tevez e Messi no segundo tempo - cada um marcou um gol.Com a goleada, a Argentina fica muito perto da classificação para as oitavas-de-final da Copa: basta que a Costa do Marfim não vença a Holanda, no jogo que será disputado às 13 horas (de Brasília)O domínio argentino foi visto logo aos 5 minutos, quando Saviola recebeu um passe de calcanhar de Sorín e cruzou para Maxi Rodríguez, que abriu o placar. Aos 15 minutos, Pekerman teve de fazer a primeira alteração, justamente na única mudança que havia feito em relação à vitória sobre Costa do Marfim, na estréia: Lucho González sofreu uma distensão muscular e deu lugar a Cambiasso.O volante, que havia sido sacado, acabou sendo o autor do segundo gol, ao concluir bela jogada que começou com Sorín e passou por Riquelme, Saviola e Crespo, que deu um passe de calcanhar para Cambiasso marcar. Ainda no primeiro tempo, Rodríguez marcou o segundo, depois de receber passe de Saviola.Na segunda etapa, a equipe de Sérvia e Montenegro chegou a ensaiar uma reação e ameaçou o gol do goleiro Abbondanzieri, que se mostrou seguro e não soltou nenhuma bola. A empolgação da equipe balcânica, no entanto, acabou quando o atacante Kezman, que era dúvida para a partida, foi expulso por jogo violento.Em seguida, Pekerman fez o que poderia se chamar de "jogar para a torcida": colocou Tevez no lugar de Saviola e Messi no de Maxi Rodríguez - a presença dos dois jovens craques entre os titulares é pedido quase unânime na Argentina. Mesmo sem forçar muito o ritmo, a equipe voltou a marcar com Crespo, após jogada de Messi pela esquerda.O show prosseguiu até o fim: Tevez superou dois zagueiros sérvios e tocou com consciência na saída do goleiro Jevric, para marcar o quinto gol. E Messi, depois de receber lançamento em profundidade, marcou o sexto e encerrou a maior goleada da Copa do Mundo de 2006 até agora.Argentina 6 x 0 Sérvia e MontenegroArgentina - Abbondanzieri; Burdisso, Ayala, Heinze e Sorín; Mascherano, Lucho González (Cambiasso), Maxi Rodríguez (Messi) e Riquelme; Saviola (Tevez) e Crespo. Técnico: José Pekerman.Sérvia e Montenegro - Jevric; Duljaj, Gavrancic, Krstajic e Dudic; Nadj (Ergic), Koroman (Ljuboja), Stankovic e Predrag Djordjevic; Milosevic (Vukic) e Kezman. Técnico: Ilija Petkovic.Gols: Maxi Rodríguez, aos 5, Cambiasso, aos 30, e Maxi Rodríguez, aos 40 do primeiro tempo; Crespo, aos 32, Tevez, aos 38, e Messi, aos 42 do segundo tempo.Cartões amarelos: Koroman, Stankovic, Nadj, Crespo, Krstajic Cartão vermelho: Kezman.Árbitro: Roberto Rosetti (Itália)Local: AufSchalke Arena, em Gelsenkirchen.Horário: 10 horas (de Brasília).

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.