Argentina bate Bolívia de virada: 2 a 1

A Argentina quebrou um tabu de 32 anos sem vitória nos 3.600 metros de altitude de La Paz, neste sábado à tarde, ao derrotar a Bolívia, por 2 a 1, de virada, no Estádio Hernando Siles, em jogo válido pela 12ª rodada das Eliminatórias Sul-Americanas para a Copa do Mundo de 2006 na Alemanha. José Alfredo Castillo, aos 4 minutos do segundo tempo, abriu o placar para a Bolívia. Luciano Figueroa aos 13 e Luciano Galletti aos 19 marcaram para a Argentina, que, independentemente do resultado de Brasil x Peru, vai seguir na liderança. Os argentinos somam 25 pontos, contra 20 da equipe pentacampeã mundial. Os bolivianos permanecem na última colocação, com apenas dez pontos.A partida marcou a estréia do técnico Ovidio Messa no comando da seleção boliviana. Ele é o terceiro a assumir o cargo. Os outros foram o chileno Nelson Acosta e Ramiro Blacut, que saiu em janeiro. Os jogadores da Argentina comemoraram muito o resultado, afinal o técnico José Pekerman optou por convocar uma equipe mais inexperiente. As duas seleções voltam a jogar na terça-feira. A Bolívia receberá a Venezuela, enquanto a Argentina, em Buenos Aires, vai enfrentar a Colômbia.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.