Argentina perde Milito e Lavezzi para quarta-feira

A Argentina perdeu dois atacantes para o duelo contra a Bolívia, pelas Eliminatórias da Copa. Os atacantes Diego Milito, do Genoa, e Ezequiel Lavezzi, do Napoli, sofreram lesões e não vão nem ficar no banco de reservas na quarta-feira.

Agencia Estado

30 de março de 2009 | 17h03

Milito, que substituiu Aguero durante a vitória sobre a Venezuela, sofreu uma lesão muscular na perna direita pouco depois que entrou em campo. Já Lavezzi tem uma contratura no bíceps esquerdo, de acordo com comunicado da Associação de Futebol Argentino.

Além dos dois atacantes, a Argentina não terá o meio-campista Jonas Gutiérrez contra a Bolívia. O volante recebeu o segundo cartão amarelo na goleada sobre a Venezuela e terá que cumprir suspensão automática na quarta-feira.

A vitória de sábado deixou a Argentina em boa situação nas Eliminatórias Sul-Americanas. A equipe está em segundo lugar com 19 pontos. Os quatro primeiros colocados se classificam para o Mundial da África do Sul e o quinto disputa uma vaga com um representante da Concacaf.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.