Argentinos reprovam escolha de Maradona para seleção

Torcedores temem pela falta de experiência do ex-jogador; técnico Carlos Bianchi era o preferido

AE, Agencia Estado

29 de outubro de 2008 | 12h30

Apesar de ser o grande ídolo do futebol argentino, Maradona não ganhou o apoio imediato do torcedor em sua nova função: técnico da seleção. Pesquisas nos principais sites da imprensa argentina, depois da definição na terça-feira, apontaram grande reprovação pela escolha do astro para o cargo. Veja também: Veja todos os passos da carreira do argentino Maradona Messi aprova escolha de Maradona para dirigir Argentina Vote: Maradona terá sucesso como técnico de futebol?Dê seu palpite no Bolão Vip do Limão No site do jornal La Nación, um dos principais do país, a pesquisa sobre Maradona como técnico da seleção apontou que 72% do mais de 11 mil participantes não gostaram da escolha. Enquanto isso, apenas 9% disseram ter sido uma contratação acertada.Já na pesquisa do site argentino Infobae, a reprovação à presença de Maradona na seleção é ainda maior. Também com mais de 11 mil participantes, quase 80% disseram ser contra a escolha do ex-jogador para o cargo.Enquanto isso, o principal jornal da Argentina, El Clarín, tinha feito uma pesquisa antes da definição do novo treinador da seleção, em que perguntava justamente quem o torcedor gostaria de ver no cargo. E Maradona recebeu apenas 12% dos quase 24 mil votos - o preferido foi Carlos Bianchi, com 48%.O maior temor do torcedor argentino parece ser a falta de experiência de Maradona como treinador. Afinal, ele só exerceu essa função duas vezes na vida, ambas experiências muito curtas e sem sucesso: nos clubes argentinos Deportivo Mandiyu e Racing, na década de 90.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolseleção argentinaMaradona

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.