Felipe Rau/Estadão
Felipe Rau/Estadão

Arouca admite ansiedade para ver o Palmeiras na liderança

Volante espera ver a equipe entre os primeiros da tabela em breve

Daniel Batista, O Estado de S.Paulo

30 de julho de 2015 | 16h35

Os resultados dos jogos de quarta-feira não foram positivos para o Palmeiras no Campeonato Brasileiro. As vitórias de Atlético-MG (3 a 1 sobre o São Paulo) e Corinthians (3 a 0 no Vasco) fez com que o Alviverde se distanciasse dos dois primeiros colocados. O volante Arouca admite que chegar ao topo da tabela é algo que causa ansiedade no elenco, já que o primeiro objetivo, que era entrar no G-4, já foi conquistado.

“A ansiedade existe, claro. Mas um passo de cada vez. Chegamos ao G-4 e jogando em casa, com o apoio da torcida, a ideia é diminuir a diferença para os líderes e quando estiver uma diferença mínima, e eles derem oportunidades, a gente chega na liderança e pretende não sair mais”, projetou o volante.

O Atlético-MG chegou aos 35 pontos enquanto o Corinthians foi para 33 e o Palmeiras está com 28. O técnico Marcelo Oliveira gosta de trabalhar com metas curtas ao longo do Brasileiro e agora não é diferente. Sua ideia é conseguir vencer todos os jogos em casa e conseguir pontuar longe do Allianz Parque.

“O importante é que esse time nunca se acomoda. Procurávamos isso desde o começo do ano e oscilamos muito no começo do ano. O Marcelo colocou muito que tínhamos de competir mais e ter bom desempenho em casa e fora. Ficamos feliz pelo placar contra o Vasco e pelo desempenho. Estamos no caminho certo, mas ainda podemos evoluir”, assegurou o jogador.

Tudo o que sabemos sobre:
PalmeirasFutebolBrasileirão

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.