Arouca garante que Santos não desistiu da Libertadores

Depois de disputar a Copa Libertadores por dois anos seguidos, o Santos tem grandes chances de ficar fora da competição em 2013, exatamente no ano em que os clubes poderão participar também da Copa do Brasil. A equipe santista está no 11.º lugar, com 30 pontos, 12 a menos que o Vasco, o primeiro dentro do G4, faltando 14 rodadas para o fim do Brasileirão.

SANCHES FILHO, Agência Estado

13 de setembro de 2012 | 23h05

"A Libertadores sempre foi uma pauta aqui no Santos. Perdemos alguns jogos e as coisas começaram a ficar difíceis. Está muito difícil, mas não vamos jogar a toalha", garantiu o volante Arouca, em entrevista coletiva nesta quinta-feira.

Depois de servir à seleção, ele voltou à equipe santista diante do Flamengo, nesta quarta-feira, com vitória por 2 a 0 na Vila Belmiro. Agora o próximo compromisso é domingo, contra o Coritiba, no Couto Pereira, e o volante espera mais uma vitória. "Vamos para Coritiba com a motivação de ganhar e não de empatar. Se perdemos pontos nesse momento, ficará ainda mais difícil."

Arouca acha que agora vive um novo momento da carreira depois de ser convocado para a seleção brasileira e jogar no time de Mano Menezes. "Tem muita gente me elogiando pela partida com o Flamengo, falando até que a seleção me deu algo a mais. Sempre me doo ao máximo em prol da equipe, evoluindo e jogando bem. Mas é claro também que a seleção dá um ânimo maior", explicou.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolSantos FCBrasileirão

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.