Dylan Martinez/ Reuters
Dylan Martinez/ Reuters

Neuer falha, e Arsenal desencanta com vitória sobre o Bayern

Antes de erro, goleiro fez milagre na cabeçada de Theo Walcott

Estadão Conteúdo

20 de outubro de 2015 | 19h13

Depois de amargar duas derrotas nos seus dois primeiros jogos no Grupo F da Liga dos Campeões, o Arsenal desencantou nesta terça-feira ao vencer o poderoso Bayern de Munique por 2 a 0, no Emirates Stadium, em Londres, pela terceira rodada desta chave da competição continental.

Os gols da partida foram marcados pelo francês Olivier Giroud e pelo alemão Mesut Özil, aos 31 e aos 48 minutos do segundo tempo, respectivamente. E o triunfo fez a equipe inglesa chegar aos três pontos e se igualar ao Dínamo de Zagreb, que não soube aproveitar o fator campo ao ser derrotado por 1 a 0 pelo Olympiakos, na Croácia, no outro jogo do dia pelo Grupo F.

A rodada acabou sendo ótima justamente para o Olympiakos, pois a equipe grega empatou na liderança com o Bayern de Munique, que também tem seis pontos e vinha de duas vitórias em duas partidas nas duas primeiras rodadas da chave.

Para o Arsenal, a expressiva vitória sobre o Bayern coroa a reação que o time vem tendo após sofrer derrotas para Dínamo de Zagreb (2 a 1, na Croácia) e Olympiakos (3 a 2, em Londres) nas duas rodadas iniciais da Liga dos Campeões. Em franca recuperação, a equipe vinha embalada por triunfos por 3 a 0 sobre Manchester United e Watford no Campeonato Inglês e agora embalou de vez.

No jogo diante do Bayern, o primeiro tempo foi cheio de emoções e ficou marcado por uma defesa milagrosa de Neuer aos 33 minutos, quando Walcott recebeu livre na linha da pequena área e viu o goleiro saltar para impedir o gol de forma espetacular. No rebote, Ramsey ainda bateu cruzado para fora.

Depois disso, Peter Cech também brilhou ao evitar um gol em chute do brasileiro Douglas Costa, que ficou cara a cara com o goleiro checo no lance, aos 42 minutos.

DO MILAGRE À FALHA

Mas, se Neuer fez bonito na primeira etapa, acabou falhando feio no lance que resultou no primeiro gol do Arsenal. Após cobrança de falta da direita aos 31 minutos, o goleiro tentou afastar a bola de soco, mas furou e viu Giroud aproveitar o vacilo e completar para as redes.

Já aos 48, o 2 a 0 acabou sendo decretado depois que Bellerín roubou uma bola na intermediária, invadiu a grande área pela direita e cruzou para Özil bater de primeira. Neuer ainda fez uma grande defesa, mas a bola já havia ultrapassado a linha da meta.

O jogo desta terça também ficou marcado por um protesto da torcida do Bayern, que reclamou do alto valor de 64 libras (cerca de US$ 98) cobrado por um ingresso para os torcedores visitantes. Os torcedores do time alemão chegaram a exibir uma faixa que continha a frase "64 libras por um ingresso, mas sem os torcedores o futebol não vale um centavo".

Já no outro confronto do Grupo F, o único gol do jogo entre Olympiakos e Dínamo foi marcado por Aide Brown Ideye, aos 34 minutos do segundo tempo.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.