David Klein/Reuters
David Klein/Reuters

Arsenal é atropelado pelo Leicester e se complica na briga pela Liga dos Campeões

Time londrino leva 3 a 0, não ultrapassa o Chelsea e pode perder posição para o arquirrival Manchester United

Redação, Estadão Conteúdo

28 de abril de 2019 | 10h42

O Arsenal foi dominado e superado pelo Leicester City facilmente neste domingo, fora de casa, pela 36ª rodada do Campeonato Inglês. O time londrino levou 3 a 0, perdeu o terceiro jogo seguido no torneio e se complicou na briga por uma vaga na próxima edição da Liga dos Campeões.

Depois do terceiro revés consecutivo - havia perdido para Watford e Crystal Palace - o Arsenal permanece na quinta posição, com 66 pontos, mas pode ver o Chelsea, quarto colocado, com um ponto a mais, aumentar a vantagem ou, então, perder a posição para o Manchester United, sexto colocado, com 64. United e Chelsea se enfrentam em Manchester neste domingo.

Com uma campanha irregular, o Leicester subiu para o oitavo posto e soma, agora, 51 pontos. O time de Jamie Vardy, autor de dois gols no duelo, não briga por mais nada na competição.

O meia Maitland-Niles foi decisivo de forma negativa para o revés. Aos 36 minutos da primeira etapa, ele acertou um carrinho perigoso em Maddison, levou o segundo amarelo e foi expulso. O Arsenal conseguiu passar o primeiro tempo incólume, mas, com um a menos, cansou, foi totalmente dominado na etapa final e virou presa fácil.

O belga Youri Tielemans aproveitou cruzamento de Maddison e o vacilo do zagueiro Sokratis para abrir o placar de cabeça aos 14 minutos. Nos minutos finais, os donos da casa aceleraram e mataram o jogo com dois gols de Vardy. O centroavante fez o segundo aos 41, depois de pegar o próprio rebote em finalização que havia acertado o travessão, e fechou a conta nos acréscimos, aos 49, em conclusão certeira após passe de Ricardo Pereira.

Combalido no Campeonato Inglês, o Arsenal precisa se restabelecer pois duela com o Valência na próxima quinta-feira, pelo jogo de ida das semifinais da Liga Europa. O primeiro duelo será em Londres e o segundo, marcado para o dia 9 de maio, na Espanha.

Notícias relacionadas

    Encontrou algum erro? Entre em contato

    Tendências:

    O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.