Jean-Christophe Bott / AP
Jean-Christophe Bott / AP

Arsenal enfrentará Sporting na fase de grupos da Liga Europa

Milan jogará contra Olympiacos e Betis; Chelsea encarará PAOK e BATE Borisov

Estadão Conteúdo

31 Agosto 2018 | 09h50

A Uefa sorteou nesta sexta-feira os grupos da Liga Europa, em evento realizado em Montecarlo, e determinou que o Arsenal terá pela frente um adversário tradicional logo neste estágio da competição. Será o Sporting Lisboa, um dos clubes que compõem a chave E.

Além do Arsenal e do Sporting Lisboa, o grupo conta com outros dois clubes bem mais modestos. Eles são o Qarabag, do Azerbaijão, e o Vorskla Poltava, da Ucrânia, times que completam um dos 12 grupos da segunda principal competição de clubes do continente.

Outro gigante presente a esta edição da Liga Europa, o Milan vai encarar o Dudelange, que na quinta-feira passou pelo romeno Cluj para se tornar o primeiro clube de Luxemburgo a participar da fase de grupos de uma competição continental.

O Milan só participará da Liga Europa porque conseguiu reverter na Corte Arbitral do Esporte uma punição que o excluiu do torneio por não cumprir as regras do Fair-Play Financeiro da Uefa. E os seus outros rivais no Grupo F vão ser o Olympiacos, da Grécia, e o Betis, da Espanha.

Além do Arsenal, outro tradicional clube londrino a disputar esta edição da Liga Europa é o Chelsea. E ele teve bem mais sorte na definição do seu grupo, o L, que foi completado por PAOK Thessaloniki, da Grécia, BATE Borisov, da Bielo-Rússia, e Vidi, da Hungria.

Dono de cinco títulos da Liga Europa, o que inclui um tricampeonato recente, de 2014 a 2016, o Sevilla, no Grupo J, terá pela frente o russo Krasnodar, que recentemente contratou o peruano Cueva, o belga Standard Liège e o turco Akhisar Belediyespor.

Vinculados a uma bebida energética, o Red Bull Salzburg, da Áustria, e o RB Leipzig, da Alemanha, caíram no mesmo grupo, o B , que também conta com Celtic e Rosenborg. Já o Olympique de Marselha, vice-campeão na temporada passada, está no Grupo H, ao lado de Lazio, Eintracht Frankfurt e do cipriota Apollon Limassol.

A fase de grupos da Liga Europa se iniciará em 20 de setembro. Já a decisão do torneio continental está marcada para 29 de maio, em Baku, no Azerbaijão.

MELHOR JOGADOR

A Uefa aproveitou o evento do sorteio dos grupos para também premiar o melhor jogador da última edição da Liga Europa. E o escolhido foi o atacante francês Antoine Griezmann, do Atlético de Madrid, que venceu a concorrência do zagueiro uruguaio Diego Godín, seu companheiro de clube, e o meio-campista Dimitri Payet, do Olympique.

Griezmann conduziu o Atlético de Madrid ao título do torneio, sendo eleito o melhor jogador da final em que o seu time venceu o Olympique por 3 a 0, com dois gols do atacante. Ele entrou em campo oito vezes na competição, com seis gols e quatro assistências.

 

Confira os grupos da Liga Europa:

Grupo A: Bayer Leverkusen (Alemanha), Ludogorets Razgrad (Bulgária), Zurich (Suíça) e AEK Larnaca (Chipre).

Grupo B: Red Bull Salzburg (Áustria), Celtic (Escócia), RB Leipzig (Alemanha) e Rosenborg (Noruega).

Grupo C: Zenit (Rússia), Copenhagen (Dinamarca), Bordeaux (França) e Slavia Praga (República Checa).

Grupo D: Anderlecht (Bélgica), Fenerbahçe (Turquia), Dínamo Zagreb (Croácia) e Spartak Trnava (Eslováquia).

Grupo E: Arsenal (Inglaterra), Sporting (Portugal), Qarabag (Azerbaijão) e Vorskla Poltava (Ucrânia).

Grupo F: Olympiacos (Grécia), Milan (Itália), Real Betis (Espanha) e Dudelange (Luxemburgo).

Grupo G: Villarreal (Espanha), Rapid Viena (Áustria), Spartak Moscou (Rússia) e Rangers (Escócia).

Grupo H: Lazio (Itália), Olympique de Marselha (França), Eintracht Frankfurt (Alemanha) e Apollon Limassol (Chipre).

Grupo I: Besiktas (Turquia), Genk (Bélgica), Malmö (Suécia) e Sarpsborg (Noruega)

Grupo J: Sevilla (Espanha), Krasnodar (Rússia), Standard Liège (Bélgica) e Akhisar Belediyespor (Turquia).

Grupo K: Dínamo de Kiev (Ucrânia), Astana (Casaquistão), Rennes (França) e Jablonec (República Checa).

Grupo L: Chelsea (Inglaterra), PAOK Thessaloniki (Grécia), BATE Borisov (Bielo-Rússia) e Vidi (Hungria).

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.