Alexander Nemenov/AFP
Alexander Nemenov/AFP

Arsenal leva susto do CSKA, mas busca empate e avança à semifinal da Liga Europa

Depois de ter vencido por 4 a 1, time inglês empatou por 2 a 2 com o CSKA Moscou, fora de casa, e se classificou à próxima fase

Estadão Conteúdo

12 de abril de 2018 | 19h30

O Arsenal levou um susto, mas no fim das contas conseguiu administrar a vantagem do primeiro jogo e garantiu vaga nas semifinais da Liga Europa. Depois de ter vencido por 4 a 1, o time inglês empatou por 2 a 2 com o CSKA Moscou, fora de casa, e se classificou à próxima fase.

+ Atlético de Madrid perde para o Sporting, mas vai à semifinal da Liga Europa

O sorteio das semifinais da Liga Europa acontece nesta sexta-feira, às 9 horas (de Brasília), em Nyon, na Suíça, na sede da Uefa. As partidas estão marcadas para acontecer nos dias 26 de abril e 3 de maio. A definição dos duelos acontecerá uma hora após o sorteio dos confrontos das semifinais da Liga dos Campeões. 

Na partida, o CSKA conseguiu abrir 2 a 0 de vantagem e pressionou em busca do gol que poderia dar a classificação, nos moldes da histórica vitória da Roma sobre o Barcelona, na terça-feira, pela Liga dos Campeões. Desta vez, no entanto, o Arsenal conseguiu diminuir com Welbeck e, nos acréscimos, quando o time de Moscou estava todo no ataque, deixou tudo igual com Ramsey em um rápido contra-ataque.

O Arsenal volta a campo no domingo pelo Campeonato Inglês, quando visitará o Newcastle pela 34ª rodada. A equipe de Wenger está na sexta colocação e tenta se firmar na zona de classificação para a Liga Europa.

O JOGO

O CSKA tentou pressionar o Arsenal no início. O primeiro chute sem muito perigo saiu aos 11 minutos. Golovin tocou para Bistrovic, que bateu de fora da área para fora. O Arsenal aos poucos foi tomando conta da partida. Mas, apesar de ter mais posse de bola, a equipe inglesa via o adversário chegar com mais força. 

A primeira boa chance da equipe do técnico Arsène Wenger veio aos 26 minutos, com Lacazette, aos 26, que chutou prensado com a zaga e a bola saiu para escanteio. Após a cobrança, Mustafi se chocou de cabeça com Berezutski e os dois precisaram de atendimento médico.

O CSKA era mais perigoso e conseguiu abrir o marcador em sua oitava finalização. Kuchaev cabeceou, Petr Cech pulou no canto direito para fazer grande defesa, mas Chalov aproveitou a sobra e mandou para as redes.

No segundo tempo, o CSKA retornou disposto a conseguir o feito histórico. Logo aos cinco minutos, Golovin chutou de fora da área, Cech deu rebote e Nababkin aproveitou para fazer o segundo dos russos.

O Arsenal precisou sair para o jogo e até conseguiu balançar a rede do adversário logo em seguida, mas o árbitro assinalou corretamente impedimento. Aos 12 minutos, Elneny recebeu cruzamento em posição irregular e marcou de cabeça. A equipe inglesa teve outra boa chance na sequência, com Koscielny, que aproveitou cobrança de escanteio e bateu para fora.

O CSKA tentava pressionar, mas o Arsenal se segurava bem atrás. E conseguiu ser matador nos contra-ataques. Em bela jogada de Welbeck pela esquerda, ele tabelou com Elneny e tocou na saída do goleiro para diminuir a diferença. O CSKA foi todo ao ataque e, nos acréscimos, viu Elneny deixar Ramsey de frente com o goleiro e tocar com tranquilidade para deixar tudo igual.

SALZBURG VIRA E ELIMINA LAZIO

Depois de ter vencido o jogo de ida por 4 a 2 em casa, a Lazio teve uma fraca atuação nesta quinta-feira, levou uma goleada de virada do Salzburg por 4 a 1, fora de casa, e se despediu da competição. Todos os gols da partida saíram no segundo tempo. O time italiano abriu o marcador com Immobile, mas a equipe austríaca virou com Dabbur, Haidara, Hwang e Lainer.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.