Arsenal/Divulgação
Arsenal/Divulgação

Arsenal revela renovação contratual de Cazorla e Ramsey

Período do novo vínculo dos meias com o time inglês não foi revelado

AE, Agência Estado

18 de março de 2014 | 15h13

LONDRES - Uma semana depois de ser eliminado nas oitavas de final da Liga dos Campeões da Europa, pelo Bayern de Munique, o Arsenal anunciou a renovação contratual de dois de seus principais jogadores. Os meias Aaron Ramsey e Santi Cazorla chegaram a um novo acordo com o clube. Como tem sido de praxe na equipe londrina, no entanto, o período do novo vínculo não foi revelado.

"Cazorla e Ramsey são jogadores muito importantes para nós, e esta noticia dá novo ânimo para todo o clube", disse o técnico Arsène Wenger, revelando também que o jovem Gedion Zelalem, de 17 anos, assinou seu primeiro contrato profissional pelo clube. "Gedion é muito jovem, claro, mas já tem mostrado que é uma promessa fantástica e estamos todos ansiosos por seu desenvolvimento."

Santi Cazorla assinou seu segundo contrato com o clube, depois de chegar ao Arsenal em 2012, vindo do Málaga. Na temporada passada, foi eleito o melhor jogador da equipe. Já Ramsey vivia grande fase no início desta temporada, marcando 13 gols em 27 partidas, até sofrer uma lesão muscular na coxa em dezembro.

"Estou muito feliz por assinar o novo contrato. Estou aqui há seis anos e muito feliz. Acho que mostramos nesta temporada que estamos na direção certa. Quero ser parte disso, de algo especial para o Arsenal", disse Ramsey. "Estou muito feliz por ter assinado um novo contrato com o Arsenal. Esse clube me deixa muito satisfeito", comentou Cazorla.

Os dois jogadores são vistos como fundamental para a boa campanha que o Arsenal vem fazendo no Campeonato Inglês. Se acabou eliminado precocemente na Liga dos Campeões, na competição nacional o time londrino ocupa a terceira colocação, com 62 pontos, quatro atrás do líder Chelsea, que tem um jogo a mais.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.