Arsenal tenta manter vantagem sobre o Manchester United

Os 'Gunners' visitam o Birmingham; já os 'Diabos Vermelhos' pegam o Newcastle também fora de casa

Agência Estado

22 de fevereiro de 2008 | 18h22

O Arsenal visita o Birmingham neste sábado, a partir das 9h45 (de Brasília), com dois objetivos: manter a vantagem de cinco pontos sobre o Manchester United na liderança do Campeonato Inglês e sair de uma seca de dois jogos seguidos sem marcar gols. "É uma coisa ligeiramente preocupante para uma equipe como o Arsenal", admite o atacante togolês Adebayor, lembrando a derrota por 4 a 0 para o próprio Manchester, no último sábado, pela Copa da Inglaterra, e o empate por 0 a 0 com o Milan, no meio da semana, pela Liga dos Campeões. No Inglês, o time tenta manter a boa vantagem (63 pontos contra 58) diante de um rival desesperado - o Birmingham está em 17.º lugar, com 22 pontos, e não venceu ainda neste ano, com quatro empates e três derrotas nos últimos sete jogos. O Manchester também joga fora de casa, e enfrenta outra equipe em situação complicada, o Newcastle, que está em 13.º lugar, com 28 pontos, e ainda busca sua primeira vitória após cinco jogos sob o comando do técnico Kevin Keegan. O time quer, além de voltar a encostar no Arsenal, abrir distância para o Chelsea, que tem 55 pontos e não joga nesta rodada porque decide, no domingo, a Copa da Liga Inglesa com o Tottenham. Na briga pela quarta vaga na Liga dos Campeões, o Liverpool, quinto colocado, com 44 pontos, recebe o Middlesbrough, que está em 12.º lugar, com 29, e tenta botar pressão nos outros concorrentes, que jogam depois: o Aston Villa, sexto, com 44 pontos, joga apenas no domingo, contra o Reading, e o sétimo, Manchester City, também com 44, pega o Everton, quarto, com 47 pontos, apenas na segunda-feira.

Tudo o que sabemos sobre:
Campeonato Inglês

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.