Arsène Wenger lamenta empate do Arsenal em casa

O técnico Arsène Wenger lamentou o empate do Arsenal com o Wolverhampton, em casa, na terça-feira. Para o treinador, o time londrino perdeu uma grande chance de encostar nos líderes do Campeonato Inglês.

AE, Agência Estado

28 de dezembro de 2011 | 09h42

"Desperdiçamos uma grande oportunidade. Foi frustrante, mas estou mais frustrado pelo resultado do que pela performance e o espírito do time. Temos que seguir em frente e analisar os aspectos positivos da partida. Não se pode negar a atitude e o comprometimento da equipe", analisou o treinador.

Para o treinador, os jogadores do Arsenal sucumbiram ao próprio nervosismo quando lideravam o placar. "Foi o tipo do dia em que não estávamos relaxados o suficiente", afirmou, atribuindo a tensão às vitórias dos rivais na tabela. "Quando você tem a sorte de ter os resultados em seu favor, você pode tirar vantagem".

Questionado sobre a chegada de reforços, na janela de transferências de janeiro, Wenger disse que o clube não está negociando o retorno de Thierry Henry, cogitado por ele antes do Natal. "Nada aconteceu desde a semana passada. Estou sem expectativas no momento".

Tudo o que sabemos sobre:
futebolArsenalArsène Wenger

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.