Arthur Maia se despede do Flamengo e vai jogar no futebol japonês

A passagem do meia Arthur Maia pelo Flamengo chegou ao fim. Contratado por empréstimo no início do ano, cedido pelo Vitória, o jogador, que vinha sendo pouco aproveitado pelo técnico Cristóvão Borges, acertou a rescisão do seu acordo e se transferiu para o Kawasaki Frontale, do Japão.

Estadão Conteúdo

30 de julho de 2015 | 12h01

Arthur Maia chamou a atenção do Flamengo após se destacar pelo América-RN no ano passado e tinha contrato de empréstimo até o fim do ano. Mas o jogador optou por procurar um novo rumo na sua carreira, pois vinha recebendo poucas oportunidades. No total, em sete meses de Flamengo, foram 22 jogos disputados por Arthur Maia, a maior parte deles saindo do banco de reservas, e apenas dois gols marcados.

Nesta quinta-feira, através de nota oficial, Arthur Maia se despediu do Flamengo. E ele disse ter esperanças de um dia voltar a atuar pelo clube da Gávea. "Sou novo e estou num momento importante da carreira. Não estava sendo muito utilizado e preciso jogar. Apareceu essa oportunidade de ir para um país de primeiro mundo, para um campeonato disputado e muito organizado, para um time tradicional do país. Estou indo, mas espero voltar um dia e dar muitas alegrias", afirmou.

No Kawasaki Frontale, Arthur Maia encontrará dois jogadores brasileiros, o lateral Elsinho e o meia-atacante Renatinho. O novo clube do meia ocupa a quinta colocação no Campeonato Japonês.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.