Bruno Cantini/Atlético-MG
Bruno Cantini/Atlético-MG

Goleiro-artilheiro, Wilson exalta ida ao Atlético-MG: 'Mexeu comigo'

Jogador de 35 anos foi apresentado nesta quarta-feira e já deve estrear no domingo, diante do Botafogo

Redação, Estadão Conteúdo

04 de setembro de 2019 | 19h52

Experiente, artilheiro e pegador de pênalti, o goleiro Wilson foi apresentado nesta quarta-feira como novo reforço do Atlético-MG e garantiu estar em totais condições de estrear já neste domingo diante do Botafogo, às 16 horas, no estádio do Engenhão, no Rio de Janeiro, pela 18.ª rodada do Campeonato Brasileiro.

"Sempre trabalhando firme, forte, pronto. Estou à disposição do treinador se tiver que atuar no final de semana. Eu tenho uma longa experiência, bagagem de Série A, isso não vai ser problema nenhum, e se tiver que atuar domingo estou pronto para ajudar a todos", afirmou o goleiro, de 35 anos, que iniciou a carreira profissional no Flamengo, em 2003, após passagem pelo futsal.

Nascido em Santo André, no ABC paulista, o arqueiro teve passagens importantes por Figueirense (2007 a 2012), onde anotou três gols, sendo dois de pênalti e um de falta, e por Coritiba (2015 a 2019), quando marcou 10 gols e defendeu 14 pênaltis.

Wilson era titular do time paranaense até o dia 16 de julho deste ano, quando se machucou e deu lugar a Alex Muralha. Em 19 jogos na atual temporada, o goleiro foi vazado 18 vezes e marcou dois gols, ambos em penalidades máximas.

"Nesta longa caminhada no Coritiba, deixei passar muitas oportunidades para sair, propostas do exterior, da Série A. A proposta do Atlético-MG mexeu comigo neste momento. Coritiba vem de bom momento na Série B. Eu entendi como uma boa oportunidade para mim e para o Coritiba, que não passa por momento financeiro tão bom", disse o goleiro.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.