Rebecca Blackwell/AP
Rebecca Blackwell/AP

Artilheiro Gyan treina e deve jogar pela seleção de Gana contra Uruguai

Atacante voltou a treinar após se recuperar de uma lesão no tornozelo esquerdo

AE, Agência Estado

29 de junho de 2010 | 19h28

RUSTEMBURGO - Assim como o meia Kevin-Prince Boateng, o artilheiro de Gana também não deve ter problemas para defender a seleção africana no jogo decisivo de sexta-feira, contra o Uruguai, pelas quartas de final da Copa do Mundo. Depois de sentir uma lesão no tornozelo esquerdo no treino de segunda, Asamoah Gyan voltou aos trabalhos nesta terça.

Veja também:

especial CRONOLOGIA: Copa, dia a dia

tabela TABELA - Jogos | Classificação | Simulador

Autor de três gols por Gana na África do Sul, Gyan foi apenas poupado do coletivo comandado por Milovan Rajevac. Enquanto o técnico sérvio encaminhava a equipe titular para sexta, o atacante ganês só correu em volta do gramado do Estádio Mogwase, nas proximidades de Rustemburgo.

Enquanto Boateng e Gyan mostraram nesta terça que devem enfrentar o Uruguai, Rajevac se mostrou pessimista quanto a participação do lateral-esquerdo Hans Sarpei. Samuel Inkoom e Isaac Vorsah, que também eram dúvidas, estão recuperados e o último ainda briga pela vaga do suspenso Jonathan Mensah. Muntari também pode entrar no lugar de Dede Ayew.

Buscando uma inédita classificação às semifinais para seleções africanas, Gana encara o Uruguai às 15h30 (de Brasília) de sexta, no Estádio Soccer City, em Johannesburgo.

 

 

 

 

 

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.