ASA e Barueri ficam no empate por 1 a 1 em Arapiraca

Os times estão com os mesmos 33 pontos, mas os paulistas ficam na frente, em 11.º lugar

AE, Agência Estado

24 de setembro de 2011 | 18h27

ARAPIRACA - ASA e Barueri empataram por 1 a 1, neste sábado à tarde, no Estádio Coaracy Nunes, em Arapiraca (AL), pela 25.ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série B. Com o resultado, os dois times estão com os mesmos 33 pontos, mas os paulistas ficam na frente na classificação, em 11.º lugar, por causa do saldo de gols.

Os dois times entraram em campo respaldados por vitórias na última rodada. O ASA tinha vencido em casa o Criciúma, por 3 a 1, enquanto o Barueri derrotou a Ponte Preta, por 2 a 1. Contando com o apoio da torcida, os donos da casa foram ligeiramente melhores no jogo deste sábado - mesmo porque, tomaram as iniciativas ofensivas.

O time alagoano quase saiu na frente aos 35 minutos, quando Francismar tocou para Alexsandro, que soltou a bomba e mandou a bola na trave esquerda. O primeiro gol, porém, foi do Barueri. Aos 44, após rápida troca de passes na grande área, o volante Alê tocou rasteiro e superou o goleiro Gilson: 1 a 0.

No início do segundo tempo, o Barueri teve duas chances para ampliar o placar, ambas nos pés do atacante Léo Gamalho. Mas ele não aproveitou. E o time paulista ainda se complicou aos 17 minutos, quando Alê cometeu falta violenta sobre Alexsandro e foi expulso.

Com um jogador a menos em campo, o Barueri se viu obrigado a priorizar a marcação. E suportou até os 38 minutos, quando Chiquinho Baiano empatou para o ASA com um chute forte.

A 26.ª rodada da Série B terá todos os dez jogos na próxima terça-feira, a partir das 20h30. O ASA encara o Vila Nova fora de casa, enquanto o Barueri recebe o Boa Esporte.

ASA 1 X 1 BARUERI

ASA - Gilson; André Nunes, Di Fábio (Vitinha) e Leandro Cardoso; Sérgio Bueno (Chiquinho Alagoano), Jorginho, Francismar (Reinaldo alagoano), Marielson e Chiquinho Baiano; Gustavo e Alexsandro. Técnico - Vica.

BARUERI - Juninho; Marcos Pimentel, Edson Borges, Rodrigo Arroz e Kauê; Alê, Ademir Sopa, Danilo Sacramento (Audálio) e Alex Maranhão; Marcelinho (Saldanha) e Léo Gamalho (Magrão). Técnico - Renê Simões.

Gols - Alê, aos 44 minutos do primeiro tempo; Chiquinho Baiano, aos 38 minutos do segundo tempo.

Árbitro - Paulo Godoy Bezerra (SC).

Cartões amarelos - Alê e Alex Maranhão.

Cartão vermelho - Alê.

Renda - R$ 33.070,00.

Público - 3.193 pagantes (4.440 total).

Local - Estádio Coaracy da Mata Fonseca, em Arapiraca (AL).

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.