ASA perde do América-RN e soma 12º jogo sem vitória

Enquanto rival permanece na lanterna, time potiguar chega a terceira vitória consecutiva

AE, Agência Estado

15 de outubro de 2013 | 21h57

ARAPIRACA - O América-RN derrotou o ASA por 2 a 0, na noite desta terça-feira, no Estádio Coaracy da Mata Fonseca, em Arapiraca (AL), e mostrou certa evolução nesta reta final da Série B do Campeonato Brasileiro. Com o revés, o lanterna acumulou seu 12º jogo sem vitória na competição. O resultado positivo foi a terceira vitória consecutiva do time potiguar, que vinha de dois importantes triunfos sobre Atlético-GO e Paraná. Com mais três pontos, já está na 14ª posição, com 36. O ASA segue na lanterna, com apenas 23 pontos. O clube alagoano chegou à sua décima derrota consecutiva.

Depois de um primeiro tempo muito fraco, com presença restrita das duas equipes no meio-campo, América e ASA fizeram um segundo tempo de melhor nível técnico. Logo aos 5 minutos, Adriano Pardal invadiu a área com velocidade e foi derrubado por Gilson. O árbitro Rodrigo Batista Raposo não teve dúvidas e assinalou pênalti. Na cobrança, Max chutou com categoria do lado direito e Gilson pulou do lado esquerdo para inaugurar o placar.

De tanto tentar, o clube potiguar conseguiu ampliar o placar. Wanderson lançou Max no ataque e a defesa do ASA pediu impedimento. Porém, o atacante estava em posição legal e tocou na saída de Gilson aos 21 minutos. A situação do ASA melhorou aos 32 minutos, quando Valdívia diminuiu. Depois de um cruzamento da esquerda, a bola sobrou para o meia botar para dentro. Sem forças de reação, o ASA aceitou o resultado e permitiu que o América-RN tocasse a bola com facilidade até o apito final. O ASA volta a campo na próxima sexta-feira, às 19h30, no Estádio Coaracy da Mata Fonseca, em Arapiraca, para enfrentar o Oeste. Já o América-RN jogará às 19h30 contra o Boa Esporte, no Estádio do Melão, em Varginha (MG).

FICHA TÉCNICA:

ASA 1 X 2 AMÉRICA-RN

ASA - Gilson; Samuel, Edson Veneno e Wellington (Wanderson); Diogo Silva, Jorginho, Reinaldo Silva, Kleiton Domingues (Valdívia), Didira e Tallyson (Elionar Bombinha); Lúcio Maranhão. Técnico: Heron Ferreira.

AMÉRICA-RN - Andrey; Norberto, Cléber, Edson Rocha e Wanderson; Márcio Passos (Cascata), Fabinho, Coutinho e Régis (Vinícius Pacheco); Adriano Pardal (Raí) e Max. Técnico: Leandro Sena.

GOLS - Max (pênalti), aos 5 minutos e aos 21 minutos. Valdívia, aos 32 minutos do segundo tempo.

CARTÕES AMARELOS - Wellington, Edson Veneno e Tallyson (ASA); Cléber, Edson Rocha e Coutinho (América-RN).

ÁRBITRO - Rodrigo Batista Raposo (DF).

RENDA - R$ 7.023,00.

PÚBLICO - 2.963 pagantes.

LOCAL - Estádio Coaracy da Mata Fonseca, em Arapiraca (AL).

Tudo o que sabemos sobre:
futebolSérie BASAAmérica-RN

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.