Ashley Cole é garantido em jogo após ato de indisciplina

O técnico Carlo Ancelotti confirmou nesta segunda-feira que o lateral Ashley Cole começará como titular na partida desta terça-feira, diante do Manchester United, pelo Campeonato Inglês. O jogador poderia ser afastado por conta de um ato de indisciplina, cometido na última semana.

AE, Agência Estado

28 de fevereiro de 2011 | 12h10

Cole acabou atirando acidentalmente em um estagiário do clube, estudante de ciências do esporte, com uma arma calibre 22. O atleta havia levado o objeto para o treinamento e não percebeu que o mesmo estava carregado. Após o episódio, Ancelotti disse que tomaria "as medidas necessárias", mas nesta segunda confirmou a presença do lateral na partida.

"Ele vai jogar amanhã (terça-feira). Claro que não estamos felizes com o que aconteceu, mas eu falei com ele e ele estava muito desapontado com isso, pediu desculpas. Ele cometeu um erro, foi um acidente e agora obviamente tomamos as medidas necessárias, mas amanhã ele vai jogar e eu acho que estará focado para fazer uma boa partida", declarou o treinador.

A partida diante do Manchester é essencial para as pretensões do Chelsea de conquistar o título inglês. A equipe é quinta colocada da competição, com 45 pontos, enquanto o rival desta terça é o líder, com 60. O United, no entanto, tem uma partida a mais.

Segundo reportagem publicada pelo tabloide inglês New of the World no último domingo, o estágio do Chelsea atingido pelo tiro foi atendido pelos médicos, mas não se feriu gravemente. O uso do rifle 22 na Inglaterra não requer a necessidade de uma licença para sua utilização, mas a polícia local já avisou que irá estudar as reportagens impressas pelo jornal inglês para decidir se irá iniciar uma investigação contra Cole.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.