Asprilla será meio-campo na seleção

Faustino Asprilla deve atuar como armador, na partida que a Colômbia faz na terça-feira contra a Bolívia, pelas Eliminatórias da Copa de 2002. O jogador do Fluminense volta à seleção de seu país depois de um ano e meio de afastamento e o técnico Luis Augusto García pretende deixá-lo encarregado de criar as jogadas de ataque, ao lado de Aristizábal."Gosto de Asprilla nessa função", observou o treinador, após o treino da tarde desta quinta-feira, em Cáli, onde o grupo está reunido. Dessa forma, ele deixaria para Serna e Grisales a incumbência de marcar o ataque boliviano. Na frente, devem jogar Juan Pablo Angel, que faz campanha discreta no Aston Villa, e Victor Bonilla, destaque do Toulouse e artilheiro do campeonato francês. "Minha intenção é colocar em campo time ofensivo", avisa o técnico.A Colômbia tem 15 pontos e está em sexto lugar na classificação geral da fase de classificação na América do Sul. A Bolívia, com 9, está na oitava posição e com poucas chances de ir para o torneio do ano que vem na Ásia.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.