Atacante argentino Herrera é apresentado no Corinthians

Jogador que já foi comandado por Mano Menezes no Grêmio diz que joga onde o treinador quiser

07 de janeiro de 2008 | 18h58

Mais um reforço do Corinthians foi apresentado nesta segunda-feira, aliás, o terceiro estrangeiro do grupo. Após o zagueiro Chileno Suárez, e o meia-atacante uruguaio Acosta, agora foi a vez do atacante argentino Herrera.   Veja também:  Roger, do Corinthians, pode acertar com o Atlético Mineiro  Felipe sua a camisa para recuperar o ritmo no Corinthians  Betão envia placa de agradecimento ao Corinthians Volante Fabinho é liberado e pode retornar ao Brasil   "Eu chego com muita expectativa de fazer um bom ano. De já começar bem no Paulista e na Copa do Brasil, mas acho que o mais importante é tirar o Corinthians da Série B", disse o atacante.   Jogador de 24 anos, que começou no Rosário Central e que atuou no último Campeonato Argentino pelo Gimnasia y Esgrima, de La Plata, Herrera é um dos poucos nomes do novo grupo de atletas do Corinthians que já trabalhou com Mano Menezes. Aliás, ele acha que o fato de voltar a trabalhar com seu ex-comandante no Grêmio.   "Trabalhei com o Mano em 2006 e foi um ótimo ano para mim. Conheço muito bem o estilo dele, que me agrada muito", contou Herrera.     De férias desde o dia 3 de dezembro, quando jogou pela última vez na última temporada na argentina, o atacante explica que ainda precisa voltar à melhor forma, mas deixa claro que não se importa quando estréia com a camisa do clube alvinegro e  em qual posição no ataque corintiano, pois, segundo Herrera, ele atua tanto como segundo atacante, quanto como centroavante. "Mas o Mano me conhece bem e é ele que vai definir onde eu poderei ajudar mais o Corinthians", concluiu.

Tudo o que sabemos sobre:
CorinthiansHerreraapresentação

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.