Christian Palma/AP
Christian Palma/AP

Atacante da seleção do Equador morre aos 27 anos

Christian 'Chucho' Benítez estava no Catar e acabara de estrear pelo El Jaish

AE-AP, Agência Estado

29 de julho de 2013 | 12h37

DOHA - O atacante Christian Benítez morreu nesta segunda-feira no Catar, onde havia recém-chegado após ser contratado pelo El Jaish. O jogador equatoriano tinha apenas 27 anos. A sua morte foi confirmada pelo clube catariano e por familiares do próprio "Chucho" Benítez.

Os detalhes da morte do atacante não foram revelados, mas, aparentemente, ele sofreu uma parada cardíaca, derivada provavelmente de uma apendicite ou de um problema estomacal. O pai do jogador, Ermen Benítez declarou que sua nora lhe disse ao telefone que o atacante "tinha uma dor de estômago, e tomou um comprimido. Então o levaram para um hospital e, em seguida, a notícia já sabemos".

Segundo o pai, "não o puderam atender rápido". "Estamos destroçados", acrescentou. "Esperamos que possamos trazê-lo e dar o enterro que ele merece. Hoje eu viajo para lá", afirmou.

Benítez tinha três filhos, duas meninas e um menino, que estão no Catar. "Nós não esperávamos esse golpe. Eu tento manter a calma, mas estou machucado, não esperava esse golpe", disse o pai.

O atacante era um dos pilares da seleção equatoriana que luta para se classificar à Copa do Mundo de 2014, no Brasil. Ele disputou 58 partidas pela equipe e marcou 24 gols. O atacante tinha acabado de assinar com o El Jaish depois de uma passagem espetacular pelo mexicano América, com 52 gols marcados em 79 partidas. Ele também foi decisivo para a conquista do Torneio Clausura deste ano.

Benítez também jogou pelo El Nacional em seu país, Santos Laguna, do México, e o Birmingham, da Inglaterra. O atacante foi o artilheiro do futebol mexicano por quatro vezes, sendo três pelo América e uma pelo Santos Laguna.

"Que grande tristeza para os equatorianos o falecimento do Christian Benítez, um jogador e ser humano extraordinário. Abraços a sua família", disse o ministro das Relações Exteriores do Equador, Ricardo Patiño, em sua conta no Twitter. "Estamos mobilizando tudo o que for necessário para acompanhar a família de Christian Benítez no Catar".

Tudo o que sabemos sobre:
futinterfutebolChristian Benítez

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.