Atacante do Botafogo-SP é encontrado morto em motel do interior paulista

Roger, de 21 anos, estava emprestado ao clube pelo Curitiba e não participou de nenhum jogo

AE, Agência Estado

28 de fevereiro de 2011 | 18h21

Uma tragédia marcou o futebol brasileiro na manhã desta segunda-feira. O atacante Roger, que vinha disputando o Campeonato Paulista pelo Botafogo, de Ribeirão Preto, foi encontrado morto em um motel na cidade de Guarulhos, na Grande São Paulo. A causa da morte não ainda foi informada.  

 

De acordo com os registros do motel, o jovem jogador de 21 anos deu entrada neste domingo, por volta das 17 horas. Já nesta segunda pela manhã, uma funcionária entrou no quarto para realizar a limpeza e o atleta já se encontrava morto. Não há informação se ele estava acompanhado.  

 

Emprestado pelo Coritiba para a disputa do Campeonato Paulista, Roger não participou de nenhum jogo. Ele foi visto a última vez no clube no sábado, quando realizou o treinamento antes da derrota para o Ituano por 3 a 1, em Mogi Mirim. O resultado colocou o time na 15.ª colocação, com dez pontos, muito próximo da zona de rebaixamento.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolPaulistãoBotafogo-SPmorte

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.