Paulo Liebert/AE
Paulo Liebert/AE

Atacante festeja gol, mas diz que precisa evoluir muito ainda

S]ÃO PAULO - Em sua primeira partida completa pelo Corinthians, Adriano surpreendeu pela atuação vibrante, participando das principais jogadas de ataque do time e fazendo o gol da vitória por 1 a 0 sobre o Botafogo, neste sábado, no Pacaembu, que fez o time ampliar sua vantagem na liderança do Paulistão. Após o confronto, porém, o camisa 10 afirmou que ainda espera evoluir muito mais e promete ganhar mais ritmo na sequência da temporada. Visivelmente mais magro, diz que ainda sente reflexos da lesão sofrida no ano passado, no tendão de Aquiles da perna esquerda.

Bruno Deiro, Agência Estado

25 de fevereiro de 2012 | 21h45

"Ainda falta muita coisa, preciso me soltar mais para voltar a fazer alguns movimentos que ainda não consigo. Mas joguei toda a partida e isto mostra o resultado do trabalho", disse o Imperador, que se escalou para o jogo contra o Nacional, do Paraguai, pela Libertadores, no próximo dia 7 de março, no Pacaembu.

"Todos sabem do meu potencial. Espero que não só no Paulista, mas na Libertadores também fazer um bom trabalho." Adriano admitiu que a decisão de Tite de enquadrá-lo às vésperas da divulgação da lista para a Libertadores ajudou. "Ele me pediu para ficar lá uma semana trabalhando. Eu fiquei e trabalhei muito. Por isso, acho que valeu a pena."

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.