Julio Cesar Aguilar Fuentes|AFP
Julio Cesar Aguilar Fuentes|AFP

Atacante mexicano que esteve na Copa é sequestrado em seu país

Jogador do Olympiacos desapareceu após deixar festa em Ciudad Victoria

Estadão Conteúdo

29 de maio de 2016 | 12h53

O mexicano Alan Pulido foi sequestrado na noite do último sábado quando deixava uma festa em Ciudad Victoria, capital do estado de Tamaulipas. O jogador de 25 anos veste atualmente a camisa do Olympiacos, da Grécia, e esteve com a seleção de seu país na Copa do Mundo de 2014, no Brasil.

O sequestro de Pulido foi amplamente noticiado pela imprensa mexicana pela manhã, e posteriormente confirmado por seu irmão, em entrevista ao site Medio Tiempo. "Sim, é verdade. Ele desapareceu durante a madrugada e temos todo o apoio do governador. Estamos esperando o que vai acontecer", disse Armando Pulido.

Os primeiros relatos dão conta de que Alan Pulido estava em uma festa com sua namorada, onde ficou até por volta das 23h30. Quando deixava o local, ele teria sido interpelado por várias camionetes e obrigado a entrar em uma delas. Agentes das polícias federal e local já iniciaram as buscas pelo jogador.

Alan Pulido foi revelado nas divisões de base do Tigres, de onde saiu em 2014 para atuar na Grécia, no Levadiakos. Depois de uma boa temporada, chamou a atenção do Olympiacos, que o contratou. Ele fez parte do elenco de 23 jogadores que representou o México na última Copa.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.